O Sangue dos Vampiros - clique aqui

O Sangue dos Vampiros - clique aqui
conheça mais sobre o livro O Sangue dos Vampiros - 2017

Livro Luar de Sangue da autora Dione M. S. Rosa

Livro Luar de Sangue da autora Dione M. S. Rosa
Livro que pode ser adquirido diretamente com a autora - clique no banner para conhecer o blog da autora.

quarta-feira, 31 de dezembro de 2008

A Deusa dos Vampiros – Parte 03 Por Adriano Siqueira



No apartamento da Avenida Paulista Lord Dri prepara uma bebida para a Deusa Mercy que estava na banheira.
Quando ele abre a porta do banheiro leva um susto tão grande que o faz derrubar os copos mas antes deles caírem no chão Mercy faz um gesto com as mãos e eles começam a flutuar e cada copo passeia pelo ar e vai para cada um deles. Mercy sorri e pergunta:
- Por quê se assustou amado Lord?
- A torneira da banheira... está saindo...
- Sangue? É claro que está... Temos sangue para um bom banho!
- De onde esta saindo este sangue? Você está parecendo a Elizabeth Bathory!
- Quem é Elizabeth Bathory? E respondendo a sua pergunta meu rei, dos mortais é claro. Com apenas um gesto eu os esmago e seu sangue entra na reserva de água deste prédio.
- Ela é uma mulher que tomava banho de sangue... Mas perai? Você quer dizer que também sacrifica os mortais apenas para um banho?
- Por quê se preocupa com os mortais? Eles são só alimento. Isso é comum em nosso reino.
- Não servem só para isso! Eles...
- Não precisa dizer mais nada meu rei. Que tal um banho de sangue... Venha? Está morno aqui... Se gostar prometo que matarei dez mortais por dia para satisfazê-lo.
- Por favor Rainha Mercy... Sei que os mortais são apenas um instrumento para os vampiros mas este mundo tem regras diferentes.
- Está bem meu rei... Se isso o incomoda eu desfaço este encanto.
Com um gesto o sangue deixa de sair da torneira. Rainha Mercy se levanta e enquanto tira o sangue do corpo com a toalha o Lord imagina que ela seria um perigo se permanecesse na terra. Ele precisava pensar em algo antes que a Rainha dos vampiros desse um fim no planeta inteiro. Mercy se aproxima do Lord e o beija. Antes de ir para o quarto ela diz:
- Estarei esperando por você... Eu quero mostrar o que posso fazer pelo meu futuro rei.
Lord termina de tomar a sua bebida mas, pega a garrafa e toma muitos goles. Ele entra no quarto e vê a Rainha Mercy fazendo uma dança que nunca tinha visto antes... Era muito sedutor... todo o corpo da Mercy se movia enquanto estava a meio metro do chão. Suas pernas longas se moviam sedutoramente e sincronizados. Era como se ela estivesse em um trapézio invisível. Algo magnífico de se ver. Caminhava pelo ar até colocar seus pés tranqüilamente na cama e então ela eleva as suas mãos em direção ao Lord... chamando-o para deitar ao seu lado. Ela o beija tocando as mãos levemente em seu rosto. Sem dúvida a Deusa Mercy sabia amar. Seu lábios encostavam suavemente. Era delicada, mas as mãos agressivas. Rasgava a sua roupa como se fosse papel manteiga. Os olhos do lord estavam muito abertos e impressionados com a sua sedução até que de repente.... a campainha toca.
- Eu preciso atender Mercy.
Mercy faz uma cara de desapontada... ela se levanta e diz:
- Vou descobrir mais desse mundo para deixá-lo mais confortável possível quando for para nosso novo mundo.
Lord pisca para Mercy e eles se beijam. Antes dela partir, Lord Dri pega um vestido no guarda-roupa e pede para ela usa-lo para não chamar muito a atenção dos mortais e ela responde.
- Meu rei... com o meu tamanho é inevitável não chamar a atenção destes mortais.
- Me prometa que não vai machucar ninguém Mercy.
- Esta bem! É só não tocarem em mim e serei tolerante.
Mercy vai até a janela e com apenas um salto ela desaparece na noite. Novamente a campainha toca. Lord corre para abrir a porta. Era a Mortícia. Antes que o Lord possa dizer algo ela o abraça e o beija apaixonadamente e diz:
- Quero ir com você.
- Ir? Como assim Mortícia?
- Eu ouvi tudo.. Você sabe como as vampiras têm ouvidos aguçados.
- Não posso levá-la...
- Por quê não... Essa deusa não precisa saber que somos... Hum... Você sabe.
- Eu não sei se vou Mortícia. Eu... Ela é linda! Tem realmente um corpo de Deusa...
Lord anda pela sala e pega outra bebida.
- Sabe Mortícia... Eu já reinei uma vez... Meu reinado não teve um final feliz... perdi tudo até a mulher que eu amava... Tudo mesmo. Não quero que aconteça de novo.
- Bom... Se não agirmos rápido você pode perder este mundo também.
- Como Assim Mortícia.
Mortícia aproxima do lord e coloca as mãos no seu peito.
- Só conto se vier agora!
- Não!
- Hum... e se eu dançar?
- Não!

Duas horas depois....

- Foi a minha dança não foi?
- Não... foi o jeito que você tira a roupa enquanto dança.
Mortícia ri e eles se beijam por mais um tempo até que escutam uma explosão. Lord corre para a janela e vê a Deusa Mercy gesticulando as mãos e todos os carros voavam para fora da rua acertando todos os prédios em volta. Ela estava enfurecida. Muitos homens armados estavam atirando mas ela não sentia nada. Lord olha para Mortícia e diz:
- Vamos... Acho que a noite hoje vai ser muito longa.
Os dois saltam da janela e chegam no chão com muita facilidade eles afastam os homens da fúria da Deusa. Lord caminha na direção dela e eles se abraçam e ela diz.
- Um deles encostou em mim. Desculpa meu rei. Eu pedi para não me tocarem mas eles insistiam.
- Calma Mercy... Agora está tudo bem.
- Vamos agora meu rei. Vamos para nosso mundo. Este lugar me dá nojo. Eles envenenam o próprio planeta que vivem... Preferem ficar solitários em espaços enormes a viverem juntos. Não é lugar para nós.
- Mercy... Existem coisas extraordinárias neste mundo.
- Eu sei que eu só quero você...
Mortícia se aproxima...
- Desculpem-me atrapalhar mas...
A Mercy fala enfurecida.
- Respeite sua rainha... Ajoelhe-se!
- Que?
Lord pensa rápido.
- Mercy ela é uma pessoa que gosto muito. Entende?
- Sim meu rei... Entendo.
Mercy olha para Mortícia e diz:
- Por ser amiga do meu rei você beijará meus pés apenas uma vez por semana.
Lord arregala os olhos e olha para a Mortícia que responde sem pensar:
- Eu não faria isso nem que você fosse deusa dos deuses sua...
Lord corre para a Mortícia e coloca a mão na boca dela antes de terminar de falar. E diz para Mercy.
- Ah pode deixar minha rainha ela está infectada com o comportamento dos mortais mas quando estivermos no mundo dos vampiros ela vai se acostumar.
Mortícia balança a cabeça na forma negativa. De repente ela arregala os olhos e chama a atenção do Lord apontando para cima.

Lord não acredita no que vê... Um míssil... e estava indo em direção da lua.
- Era isso que eu queria dizer...
- Dizer o que Mortícia?
- Eles vão destruir a lua...


Continua...

domingo, 28 de dezembro de 2008

A Deusa dos Vampiros – Parte 02 Por Adriano Siqueira


Lord Dri estava voando em direção ao apartamento junto com a Mortícia e vê um certo tumulto na Avenida. Muitos homens armados estavam atirando em várias pessoas. Eles descem para o solo rapidamente. Lord Dri empurra o pessoal para longe dos atiradores. Mortícia faz uma barricada com os carros para proteger as pessoas e comenta:
- Só faço isso porque você me pediu meu querido Lord. Para mim eles são só humanos.
- Entenda então que, tiroteio é desperdício de sangue Mortícia.
- Adoro quando está no comando, sua voz soa como de um capitão em batalha.
- Já participei de muitas na vida e raramente perco.
Lord Dri levanta um ônibus vazio e joga na direção dos cinco atiradores que estavam se protegendo atrás de um carro. Eles são esmagados pelo ônibus.
Mortícia fica impressionada com o ataque rápido e certeiro do Lord. Ela corre e encosta a sua cabeça no ombro dele.
- Prometa que uma noite você vai falar assim comigo... Sem guerras, só nos dois.
Lord sorri e responde:
- Venha Mortícia! Existem muitas coisas estranhas nesta noite e quero descobrir o que está havendo.
- Mas Lord? Precisamos nos alimentar.
Do outro lado da rua alguns jovens estavam gritando para a Mortícia.
- Vem aqui gostosona que eu quero pegar nos seus peitos!!!
Lord sorri e olha para Mortícia.
- Adoro a cidade! O delivery nunca falha.

Quatorze minutos depois, os três homens estavam jogados no chão. Sem vida e sem nenhuma gota de sangue. Mortícia filosofa:
- Incrível como os mortais só vêem a mulher como um objeto de peitos e bunda e esquecem.... Dos caninos!
Lord Dri gargalha por um bom tempo e completa:
- Eu acho que as mulheres já nascem vampiras e só se tornam humanas quando encontram um romance.
- Diz isso de novo ... Você fez biquinho eu vi!!!
- Não fiz não...
- Fez quando falou “só se tornam humanas...”
- Mortícia assim você tira a minha concentração.
- Meu querido.. Se EU quisesse tirar a sua concentração...
Mortícia abre mais as pernas começa e desabotoar a camisa e a balançar os cabelos. Lord interrompe.
- Tudo bem Mortícia... Você já me convenceu.
Eles se beijam e ele diz...
- Mortícia... Preciso que encontre pistas sobre os homens que estavam atirando naquelas pessoas. Veja se acha algum cartão igual ao que achamos no apartamento. Acho que são da mesma equipe. Preciso saber mais sobre eles. Eu vou retornar para o apartamento. Sinto que teremos mais surpresas hoje a noite.
- Comigo ao seu lado, sempre terá surpresas... Meu Lord.
Mortícia beija o Lord e cada um segue o seu caminho

------x--------

Alguns minutos mais tarde Lord Dri entra no apartamento. Os corpos dos homens que a Mortícia aniquilou haviam sumido. Não havia mais sangue no chão e nem nos móveis.
Ele vê uma mulher alta com o cabelos negros e lisos. Uma perfeição e completamente nua. Ela estava vendo pela janela a lua vermelha. Lord engole seco e pergunta:
- Posso... ajudá-la?
A mulher vira-se rapidamente e olha com os seus olhos vermelhos diretamente para os olhos verdes do Lord. Ela sorri e responde caminhando em sua direção como uma modelo em desfile. Ela levanta os braços em sua direção e diz com uma voz bem suave:
- Eu preciso de Você Lord Dri. Quero que seja o meu rei para juntos governar o meu mundo. O mundo dos vampiros. O mundo que você sempre quis. Comigo ao seu lado.
- Ah... Puxa... É um convite tentador, mas... Como é mesmo o seu nome?
- Me chame de Mercy... Deusa Mercy. A rainha dos Vampiros.
Mercy desabotoa e tira a camisa branca cheia de sangue do Lord, Ela o abraça e depois encosta a sua cabeça no peito dele. Ele coloca as mãos no seus cabelos.
- Ufa... Certo! Explicado! Por alguns instante eu imaginei que vampiros sonham.
- Quero você para mim meu lord, meu futuro rei.
Os dois se beijam e o Lord fica olhando a lua vermelha.

---------------x---------------

Mortícia encontra um cartão junto com os corpos esmagados pelo ônibus. Era igual ao que o Lord encontrou no apartamento. No cartão mostrava um endereço de um depósito no Campo Limpo. Ela voa até o local e quando chega vê que a luz estava acesa. Ouvia muitos homens conversando sobre a destruição do mundo. A invasão dos vampiros por toda a terra. E eles tinham uma bomba que seria lançada por foguete para destruir o portal de onde saia os vampiros. Este portal... Era a lua e o foguete seria lançado no território de Matro Grosso do Sul pela manhã.
Ela já havia escutado o suficiente... Arromba a porta com o pé e todos os homens começam a atirar. Ela se explica:
- Desculpe rapazes mas o serviço de entrega de vocês é muito demorado. Resolvi buscar pessoalmente meu jantar.
E todos diziam enfurecidos:
- Matem essa vampira!!!
- Vocês humanos são sempre assim? Quando não conseguem conquistar querem destruir? Tudo bem! Eu não guardo remorso.
Mortícia começa a derrubar todas as pilastras que seguravam o telhado daquele deposito e em segundos tudo começa a desabar. Tudo se transforma em uma grande nuvem de poeira. E logo em seguida quando a poeira abaixa. Alguns poucos homens, tossindo muito, conseguem sair. Eles olham para o alto e vêem a vampira Mortícia indo embora. E um dos homens diz:
- O chefe não vai gostar disso.


Continua...



sábado, 27 de dezembro de 2008

A Deusa dos Vampiros – Parte 01 - por Adriano Siqueira




Lord Dri deixa o Aston Martin no estacionamento do apartamento da Avenida Paulista que foi emprestado pela Lady Dry.
Entra no elevador e sente um forte cheiro de sangue. Alguma coisa estava errada.
Quando ele chega no seu andar. Lord Dri anda vagarosamente até o seu apartamento. A porta estava entreaberta. A música estava alta e o cheiro de sangue era muito forte.
Quando olhou pela fresta da porta viu vários corpos no chão. Então ele abriu rapidamente a porta e viu quatro corpos de homens cheios de sangue e com armas de todos os tipos espalhados pelo chão. Ele se perguntava: - O que será que deve ter acontecido? - Chamou pela vampira Mortícia.
- Estou aqui querido.
Morticia estava na sacada do prédio. Dançando e com um copo de Bacardi Nas mãos. Olhava o eclipse que agora era um tormento para o Lord.
- O que aconteceu aqui?
- Acho que estes homens procuravam uma festa e eu dei para eles uma festa de verdade.
- Desde quando você gosta de Bacardi?
- Meu querido... Eu amo o logotipo deles.
- Um morcego... É claro. Já deveria saber.
Morticia abraça o Lord Dri e pergunta.
- Então... como foi a sua noite? Achou o que queria.
Lord dá um sorriso irônico e responde:
- Achei para perdê-la novamente. Acho que eu não disse as palavras certas para ela. Nunca vou saber dizer. Tudo seria tão simples se não disséssemos nada. As vezes... Transformar o que sentimos em palavras pode ser tão... Desastroso.
Lord dri pega um copo de Bacardi e caminha pelo apartamento. Olha novamente para os corpos e revista um dos homens até que acha um cartão. Fica intrigado por algum tempo e pergunta:
- Você conhece alguma empresa com o nome. Desvampirização?
- Parece, meu querido, que alguns homens querem a nossa cabeça.
- Eles não são profissionais. Usam armas comuns.
- Talvez eles sejam apenas um aviso. Hum... vem aqui Lord... vamos deixar eles “dormindo” Estou tão excitada.
- Seu fogo sempre queima não é Mortícia.
- Só quando se tem lenha para queimar meu querido.

Mortícia pega na mão do Lord e voam para a antena da gazeta na Avenida Paulista Eles se seguram nos ferros da antena e se beijam. O Lord rasga a sua saia enquanto ela lambe o seu pescoço. Ele fica de joelhos entre suas pernas. Ela grita segurando os ferros da antena e fica jogando a sua cabeça de um lado para outro lambendo os lábios enquanto o vento sacode o seus cabelos. O lord se levanta e os dois se beijam por alguns segundos e ela abaixa e rasga a camisa dele lambendo seu peito. Logo o lord fica completamente cheio de prazer. Ele pega o ombro da Mortícia e a pressiona entre as barras de ferro. Eles ficam gemendo por um bom tempo até que a noite vai terminando e o eclipse se encerra.

Mortícia segura nas mãos do Lord e por alguns segundos ele vê a lua... Ele fica em choque e chama a atenção da Mortícia.
A lua estava vermelha.

--------------------*---------------------------------

Não muito longe de lá. Uma mulher nua entra no apartamento do Lord Dri e espera por sua volta.

Continua...


A procura de Dark Rose - Parte Final - por Adriano Siqueira


Dark Rose tinha agora os poderes que muitos vampiros gostariam de ter. Ela comanda os seres marinhos e os animais noturnos. Lord Dri a assiste manobrando os seres daquele local. Era um verdadeiro show que demonstrava todo o seu potencial. Todos fazendo uma grande dança sobre o lago do Ibirapuera.
O eclipse continuava forte. Os raios que a lua enviava era recebidas pelos dois vampiros. Dark Rose se diverte com todo este poder e comenta:
- Eu não nasci apenas para sugar sangue e andar eternamente pela Terra Lord. Eu quero mais. Quero uma maneira de conhecer todas as formas existentes e hoje vou realizar este sonho.
- Você ainda não conhece os seus poderes. Não pode achar que pode conquistar o universo sem conhecimentos necessários. É perigoso e talvez seja um caminho sem volta.
- Você já tentou isso antes. Não me convenceu Dri. Não nasci para esperar. Minha natureza será sempre ir mais alto. Alcançar o impossível.
- Ícaro tinha este mesmo sonho.
- As asas dele eram de cera.
- Dark... Não quero perdê-la. Preciso de você. Muitos precisam.
- Eu não disse que iria embora. Ms eu quero conhecer mais. Eu preciso...
Lord Dri vê Dark Rose flutuar sobre o lago e começar a subir em direção ao Eclipse Lunar. Até ela desaparecer. Ele olha para as suas mãos e as fecha até que ele fica de joelhos e começa a socar o solo.
- Eu a perdi...
Ele olha para a lua e vê uma claridade que nunca havia existido antes. Ele sente um arrepio. Uma mudança tão repentina. Como se o mundo que ele conhecesse deixasse de existir. Impressionado, ele corre em direção ao seu apartamento.

Não muito longe dali. Um policial encontra uma mulher completamente nua no meio da rua.
- Senhorita? Está bem?
A mulher alta completamente nua pega no pescoço do policial e o levanta a vários metros do chão até que ele perde a consciência, depois o joga para o chão. Olha para os lados e diz:
- Eu não falo com mortais!
A estranha mulher entra no carro da polícia e com apenas um movimento gesticulado das mãos o carro começa a andar e ordena:
- Leve-me ao vampiro chamado Lord Dri.


Continua...


Décadas de vampiros no cinema



Décadas de Vampiros
Por Adriano Siqueira


Não é novidade para ninguém que um filme de vampiros faz sucesso nas telas.
Quando Nosferatu apareceu em 1922 o impacto foi tão grande que todos os produtores daquela época lutaram para ter mais filmes de vampiros no cinema, mas por causa do processo ganho pela esposa do Bram Stoker quase todos os produtores deixaram o vampiro de lado. A platéia queria ver Drácula no cinema. E este desejo só foi realizado em 1931 com a chegada de Drácula com o ator Bela Lugosi.
Desde então os filmes de vampiros não pararam de serem produzidos e até hoje se destacam entre os filmes de ficção e terror.
As décadas que se seguiram mostraram vampiros em puro terror em 50/60 com os filmes da produtora Hammer e o mais famoso Drácula de todos os tempos Christopher Lee.
Na década de 70 os destaques foram para as comédias dos vampiros e “Amor à primeira Mordida” teve mais êxito do que “Drácula 79”.
Em 80 foram os jovens vampiros que ganharam a apreciação do público. A Hora do Espanto e Os Garotos Perdidos deram uma nova roupagem ao cinema moderno dos vampiros.
Em 90 O terror e o romance tomaram as telas com “Drácula de Ford Copolla” e “Entrevista com o Vampiro” da autora Anne Rice.
Nesta década atual. Houve uma surpresa nas telas brasileiras. Pela primeira vez no Brasil um filme de vampiro invadiu as telas no meio de tantos filmes de Natal. Foi no finalzinho de 2004 “Blade 3 Trinity” e isso chamou a atenção do público.
Mas o primeiro filme que deveria estrear no natal em 2000 era o “Drácula 2000” mas só estreou em maio de 2001 e “Anjos da Noite” que era para estrear em dezembro de 2001, atrasou seis meses.
Com o tempo o público foi se acostumando a ver filmes de vampiros na época do Natal.
“Crepúsculo” foi um filme sobre vampiros bem diferentes dos que a maioria conhece, estreou também perto do Natal, em Dezembro de 2008 e assim, novamente temos romance e terror de vampiros dando maior confiança aos produtores para levarem novamente Drácula as telonas. Porém com o excesso de séries de TV sobre vampiros, o Drácula mesmo, só voltou para as telonas em 2014, "Drácula a história nunca contada"

“Enquanto houver uma gota de sangue humano, haverá sempre, um novo filme sobre vampiros.”

Abraços e uma Adorável Noite
Adriano Siqueira

quinta-feira, 25 de dezembro de 2008

Amor Vampiro - romance e terror




Entrem agora mesmo na minha comunidade do orkut sobre o livro que participo.



Amor vampiro tem a participação de 7 escritores.
obrigado e tenham todos uma adorável noite.
Adriano Siqueira siqueira.adriano@gmail.com
site do livro amor vampiro conhecer mais sobre a obra.



quarta-feira, 24 de dezembro de 2008

A procura de Dark Rose - Parte 3 - por Adriano Siqueira

O romance dos vampiros...
Lord dri corria com o seu Aston Martin pela cidade de São Paulo. Passou pela Avenida Paulista desceu a Rebouças e atravessou toda a avenida Faria Lima em apenas 13 minutos. Sua percepção sobre-humana facilitou muito os seus reflexos.
Ele parou por alguns instantes. Fechou os olhos e mentalizou tentou procurar, sentir a Dark Rose imaginou uma cor verde ao qual era a única cor que ele podia senti-la. Seu corpo era envolvido por uma névoa verde e logo pode ver os olhos de Dark Rose. Ele já deveria saber... Com o controle que ela agora tinha sobre a natureza ela só podia estar ali... no Parque do Ibirapuera.
Em apenas doze minutos Lord Dri estaciona o seu carro e voa sobre as grades do Ibirapuera. Ele consegue ver bem no meio do lago uma mulher flutuando sobre as águas. A roupa escura que ela usava batia contra o vento as luzes iluminavam a sua dança.
Lord Dri se aproximou... Eles se olharam por algum tempo. Mas antes que o Lord possa dizer algo. Ela o abraça e o leva para dentro do lado. Eles se olham e se beijam. Fazia muito tempo que eles não se viam.
Então. Dark solta o Lord e começa a dançar sobre as águas. Dançava como um deus folclórico. Seu corpo não parava de mexer. Seu sorriso mostrava que ela estava muito bem com a natureza. E ela diz... como se fosse ele que a abandonou...
- Você sumiu Lord. Estava com saudades.
Ele sabia que ela sempre dizia isso. Para deixá-lo impressionado. Essa era a Dark Rose que ele conhecia. Mas ele gostava disso... era como se ele aceitasse seu termos e respondeu:
- Fiz uma longa viagem. Ultimamente tenho estado em vários paises.
- Sempre ocupado.
- Nem tanto Dark. Como vê, eu ainda tive tempo de ver o lançamento do seu livro.
- Estou apenas mostrando para o mundo que ele pode ser salvo.
- Salvo de que? Dos humanos ou de você?
Dark olha para o Lord e responde.
- Ainda acha que sou má? Acha que sou uma vampira que quer destruir o mundo e os mortais?
- Não disse isso! Mas seja lá o que escreveu neste livro espero que não envolva os vampiros.
- Acha que sou o personagem Lestat que contou os segredos dos vampiros em um livro... Querido Lord. Isso é ficção! Uma vampira como eu apenas quer mostrar o mundo que os humanos não conhecem.
- Dark o mundo que quer apresentar a eles só aos vampiros pertence.
- Não seja egoísta Lord. Nós sabemos que este mundo é de todos. E eu só divulgo a paixão e o prazer. Venha aqui e me abrace. Me conte como sabia que eu estava aqui.
- Fui eu que a mordi. Quando fiz isso mentalizei uma cor ao qual pudesse encontrá-la quando estivesse por perto. O verde. Foi à única cor que consigo senti-la.
- Que tal andar de patins?
- Eu não trouxe os meus.
- Não se importe com isso... apenas venha me acompanhar na pista.
Lord Dri e Dark Rose passeiam na pista de Cooper do parque Ibirapuera. Ela usava os patins e ele flutuava ao seu lado. Dark continuava a falar.
- Depois que vi o crepúsculo e nele pude ver a chance de ter mais poderes, Parece que teremos um eclipse lunar. E nele poderei adquirir mais força para controlar alguns formas de energia que antes eu não conseguia.
- Os eclipses são a única forma de vermos o que não podemos ver e sentir de dia.
- Isto mesmo Lord. E hoje teremos um. Gostaria que ficasse comigo para compartilhar esta energia tão rara.
Lord pega a mão da Dark e caminham até se aproximarem do lago. A lua estava estava mudando. As energias sentidas naquele momento enchem de luzes os dois vampiros. Eles se beijam enquanto algumas luzes que saiam do parque os circundavam. Mostrando uma forma de energia que eles jamais conheciam. Eles se deixam e ela morde o pulso do Lord. O sangue e a energia trocada era mágico. As luzes ficavam mais fortes a cada gemido a cada sentimento. O suor dos seus corpos se misturavam com o lago e com o sereno da noite. Os dois podiam sentir a natureza toda direcionarem a atenção para eles.
Os dois vampiros ficam um bom tempo abraçados enquanto o eclipse termina. Ela se levanta e direciona a sua mão para o lago. Um rodamoinho começa a se formar. Algum brilho começa a aparecer e logo os peixes começam a pular e formam uma grande ponte. Ela sorri.
Lord fica maravilhado com este poder. O quanto pode se aprender com o mundo ainda. Ele abraça a Dark e lhe dá um beijo no pescoço e diz:
- Parece que agora além de controlar os morcegos você também controla os seres marinhos.

Continua...



domingo, 21 de dezembro de 2008

A procura da vampira Dark Rose – Parte 2



Lord Dri sai do avião coberto por uma manta e vai até um carro com os vidros especiais que o protegem dos raios solares.
Lady Dry usava muito este transporte para passear pela cidade. Agora, Lord Dri aproveita deste transporte e de todos os bens da vampira para se proteger.
O Carro entra no subsolo de um prédio na Avenida Paulista, toma o elevador e aperta para ir até o 13º andar. Porém o elevador pára no térreo e dois homens armados atiram sem piedade. o impacto das balas joga o lord para o fundo do elevador quebrando todos os vidros. Quando os homens se aproximam ele os agarra jogando cada um para os lados batendo a cabeça eles perdem os sentidos e o vampiro toma-lhes todo o seu sangue.

Ele aperta o botão do elevador novamente e segue o seu caminho com tranquilidade até chegar no seu andar. Um garçon estava na frente da porta do elevador e o lord diz cuidadosamente.

- Cidade Violenta.


-----------------* ----------------------------

Quando Lord Dri consegue abrir a porta do apartamento emprestado pela Lady Dry ele escuta o chuveiro ligado.

Aos poucos ele se aproxima do banheiro e vê através do box um corpo feminimo com as curvas perfeitas... Ele conhece aquela vampira.

Mortícia. Uma das vampiras mais perigosas do pais. Bem ali. No banheiro da Lady Dry. Ela abre um pouco a porta do box e diz:

- Estava esperando a sua visita.

- Como sabia que eu viria?

- Dry me avisou. Disse para eu cuidar de você. Parece que você estava obsecado por uma vampira que você mesmo transformou.

- É! Existe mesmo um pouco de verdade nisso. Posso pegar um vinho?

- Claro... Sirva dois copos. Logo vou sair.

Lord Dri enche os dois copos e fica observando a vista da cidade. A janela tinha mais de quatro metros de largura. Quando ele olha para trás vê a vampira Mortícia. com apenas uma toalha pegando o copo de vinho.

Ela segura o copo bem perto do seu rosto e comenta:

- Faz tanto tempo.

- Nem tanto... Você continua perfeita e... Perigosa.

- Lord! Meus tempos de espiã acabaram isso foi na segunda guerra.

- Realmente faz tempo mas de que lado acabou ficando?

- Do meu querido. É claro!

Mortícia deixa o copo na mesa e caminha para os braços do lord.

- Então você está procurando uma vampira... Finalmente você se rendeu a uma.

- Acho que isso não vem ao caso no momento.

- Relaxe querido... Venha para o quarto e podemos conversar como... Adultos.

- Eu nunca consigo dizer não para você Mortícia.

Os dois vampiros começam a se conhecer nos toques e desejos. Suas mãos passeiam pelos corpos úmidos e cheio de prazer. Eles sabem que mesmo eternos a necessidade do contato sexual é sempre um presente que deve ser aproveitado em demasia. Pois a imortalidade é presente de poucos.

Mortícia joga Lord Dri na cama, logo em seguida ela liga o aparelho de som e a musica "Your Body" começa a tocar... Ela sabe seduzir um homem muito bem e vai aos poucos retirando o seu roupão logo em seguida ela deita com o lord acariciando os seus cabeços em dá um longo e demorado beijo... As mãos do lord sentem todas as curvas de Mortícia e juntos eles flutuam mostrando aos humanos que seus poderes eróticos se misturam com as energias e fluídos trocados enquando se acariciam, recebem mais poderes, um do outro causando efeitos colaterias como flutuar descontroladamente. Deixando os dois percorem o quarto por todas as paredes.

Os dois vampiros soltam um estrondoso gemido que é ouvido por todo o quarteirão.

Depois de algum tempo. Lord Dri beija o pescoço da Mortícia e caminha pela sala... Ele pensa na Dark Rose... O que ele irá dizer? Será que ela ainda é a mesma?

Seus pensamentos são interrompidos com a chegada da Mortícia que o abraça...

- Seus pensamentos estão muito distantes querido.

- Mortícia... As vezes eu não sei o que estou fazendo.

- Olhe para mim Meu lord. As vezes os vampiros procuram a sua alma através das pessoas que conhecem. Talvez a sua esteja perdida. Mas eu posso lhe dar uma melhor.

Os dois se beijam. O telefone toca e mesmo se beijando lord Dri tenta alcançar o telefone.

- Sim!

- Olá querido gostou do apartamento?

- Ah.. sim Dry! Muito interessante a hospitalidade brasileira ainda continua a mesma!

Morticia interrope e começa a beijar o pescoço do Lord. Mesmo assim ele ainda tenta falar com a Lady Dry.

- Parece que estamos sempre no verão por aqui... o calor é impressionante.

- Pensei que o ar condicionado estivesse ligado.

- Ah... Sim! está é que eu estava fazendo uns exercícios.

- Dry deixa que eu cuido dele.

Lord fica surpreso e pede para a Morticia ficar quieta.

- Mortícia ainda está ai?

Mortícia pega o telefone e fala com Dry.

- É verdade eu ainda estou aqui... Eu ia apenas mostrar o apartamento para ele mas é... tão... - morticia olha para o corpo do vampiro e diz... Tão grande.

Lord toma o telefone da Mortícia e fala rapidamente:

- Mas ela já estava de saida não é Mortícia.

- Hum! Só se você quiser.

Dry comenta:

- Bom... Vou deixar vocês se entenderem. Qualquer coisa me liguem. Ah. e lord!

- Sim Dry.

- Vai gostar de saber que reservei um Aston Martin para você na garagem do prédio. Use o quanto quiser.

- Obrigado Dry. Garanto que não irei arranhar a pintura.

Morticia complementa:

- Eu não garanto nada. Adoro garagens. São tão... Umidas.

Ao chegarem na garagem Lord entra no Aston Martin e diz para Mortícia.
- Se eu não voltar até amanhã avise a Dry... Ela saberá o que fazer. Faz muito tempo que não vejo a Dark Rose. Por isso... Tudo pode ser uma grande surpresa.

----------------*------------------------------------


Continua...

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

histórias de vampiros romance

Histórias de vampiros romance



Segue abaixo os links das histórias românticas e aventuras de vampiros e outros seres sobrenaturais que estão neste blog


Tratado imortal
Um principe vampiro do reino de Valaska, visita o reino de uma bruxa para renovar o seu tratado. Ela é a irmã de sua falecida amada. O jogo de interesses é muito maior do que planejado.

Duas faces, um coração
Finalmente um homem tem a sua chance de conhecer aquela mulher mas os seus segredos podem mudar para sempre a sua vida.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com/2009/07/duas-faces-um-coracao-por-adriano.html

O Outro lado do Espelho
Uma história sobre uma bruxa que desafia um vampiro a transformá-la em vampira - http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/06/o-outro-lado-do-espelho.html

Balada Noturna
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/balada-noturna-contos-de-vampiros-por.html

A Grande Chance
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/a-grande-chance-contos-de-vampiros.html

Paixão pelo Medo
Um rapaz tem a sua vida cheia de monotonia até que uma vampira aparece.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/11/paixao-pelo-medo-conto-de-vampiro.html

Paixão pelo Medo - parte 2
A vampira começa a namorar com o garoto mas isso causa ciúmes e os inimigos começam a aparecer.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/11/paixao-pelo-medo-parte-2.html

Paixão pelo Medo - parte 3
o vampiro milionário, que é pai da vampira, cria novos vilões para destruir o garoto. A vampira tem que protegê-lo
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/11/paixao-pelo-medo-parte-3.html

A Carta
Uma mulher é convidada para conhecer a antiga terra de um conhecido vampiro.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/12/carta-por-adriano-siqueira.html

Sexo, Suor e Vampiros
Uma história estilo Noir sobre um homem que conhece uma mulher misteriosa
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/07/sexo-suor-e-vampiros.html

O Mistério do Castelo mais Lindo do Mundo
Fazer a coisa certa pode trazer muitos problemas. Principalmente se isso for mexer com o lado financeiro do seu vilarejo. Que mistérios existem neste castelo que todo mundo quer tanto ver?
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/11/o-misterio-do-castelo-mais-lindo-do.html

Pacto Noturno - A transformação do vampiro"
Um homem é convidado por uma mulher chamada Raquel para conhecer os mistérios da noite. Ele conhecerá o mundo escondido dos vampiros.
Esta história é envolvida em muita sedução e suspense. Mostra em detalhes a transformação de um ser humano em vampiro.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/07/pacto-noturno-transformacao-do-vampiro.html

Uma vampira em apuros
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/uma-vampira-em-apuros-contos-de.html

Ajudar o Próximo
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/ajudar-o-proximo-contos-de-vampiros.html

Eu, você e a Naty Vamp a Vampira
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/eu-voce-e-naty-vamp-vampira-contos-de.html

O Prazer Eterno
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/o-prazer-eterno-uma-historia-de-horror.html

A cidade e seus vampiros
Uma vampira e um caçador se unem para destruir alguém muito perigoso.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/10/a-cidade-e-seus-vampiros-por-adriano.html

Os escolhidos
Apreciar os vampiros e sempre sonhar com eles, pode ter uma razão. Algo que você jamais imaginaria que pudesse acontecer. A atração dos vampiros pode ser tão forte que talvez você seja o Escolhido.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/os-escolhidos-contos-de-vampiros-por.html

Encontro com a Vampira
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com/2008/05/contos-classe-m.html

A Lenda do Morcego Branco - O Pescador
Todo mundo acaba passando por uma prova para mostrar que merece fazer parte de um grupo. Como toda a prova, existe sempre alguém que fará de tudo para atrapalhar os resultados.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/07/a-lenda-do-morcego-branco-o-pescador.html

O Gato
Um principe foi enfeitiçado e pede ajuda para uma bruxa muito reservada.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com/2009/08/o-gato-por-adriano-siqueira.html

A Noite é para os Amantes
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com/2009/07/noite-e-para-os-amantes-por-adriano.html

A Noite do Lobo
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/10/a-noite-do-lobo.html

A gang dos vampiros psíquicos - com o caçador Angelo Donatti
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/12/a-gang-dos-vampiros-psiquicos-conto-de.html

Meu querido Caçador - Parte 1 - com o caçador Angelo Donatti
Um história em que um vampiro que é apaixonado por um caçador
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/07/meu-querido-cacador-parte-1.html

Fadas e Vampiros
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com/2008/05/contos-classe-m_07.html

"Corra Alami, Corra!"
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com/2008/05/contos-classe-m_16.html

Adivinhe quem vem para jantar?
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/adivinhe-quem-vem-para-jantar-contos-de.html

Este é um crossover com o caçador Angelo Donatti, Andário e Alami - o Vampiro e a Fada - O primeiro passo - histórias de vampiro
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/11/o-primeiro-passo-historias-de-vampiros.html

O Dia Em Que As Nuvens Caíram - história de Zumbis
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/09/o-dia-em-que-as-nuvens-cairam.html

Sindrome da dependência vampirírica
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com/2008/05/depois-da-exploso-parte-03_04.html

Desejos mortais
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com/2008/05/depois-de-uma-exploso-parte-02.html

O Abraço Noturno
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com/2009/03/abraco-noturno-por-adriano-siqueira-e.html

O caminho certo
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com/2009/02/o-caminho-certo.html

Um conto para o Dia dos Vampiros
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/08/um-conto-para-o-dia-dos-vampiros.html

O Amor de Shy
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com/2009/10/especial-dias-das-bruxas-contos-de.html

Vampire Secrets
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com/2009/07/vampire-secrets-por-adriano-siqueira.html

O Viajante Noturno
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com/2009/05/o-viajante-noturno-por-adriano-siqueira.html

Aleluia
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/aleluia-contos-de-vampiros-adriano.html

A Conquista do Vampiro
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/a-conquista-do-vampiro-contos-de.html

A Magia e a Escuridão - Um conto cheio de magia
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/06/a-magia-e-escuridao-historia-de-um.html

Muita gente tem curiosidade em saber qual foi o primeiro conto que escrevi.
Foi este. ... "Paixão Mortal"
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/07/meu-primeiro-conto.html

SAÍDA PELA ESQUERDA
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/saida-pela-esquerda-contos-de-vampiros.html

A primeira vez você nunca esquece
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/a-primeira-vez-voce-nunca-esquece-por.html

O Pescador - A lenda do Morcego Branco
Um rapaz luta para conquistar o respeito de seus amigos e da sua aldeia. Uma história sobre a lenda do morcego branco.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/07/a-lenda-do-morcego-branco-o-pescador.html

Noite sem fim
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/noite-sem-fim-contos-de-vampiros-por.html

Não tenha medo
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/nao-tenha-medo-contos-de-vampiros.html

Olhos Negros
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/olhos-negros-por-adriano-siqueira.html
---------------------------------------------------------------------------------------------------------

Contos Terrir - Comédia/Terror 

Uma noite com um vampiro
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/uma-noite-com-um-vampiro-conto-de.html

O Espelho que Refletia os Vampiros
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/o-espelho-que-refletia-os-vampiros.html


-------------------------------------------------------------------------------------------------------

Contos do Johnny Bloody - o Vampiro Rockabilly


Johnny Bloody, o Vampiro Rockabilly
Um vocalista falido é convidado por uma mulher misteriosa para 
fazer um show na cidade de Curitiba



Johnny Bloody, o Vampiro Rockabilly - Parte 2
Um vocalista vampiro quer mais sangue e mais música.



-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Contos de Vampiro de Energia




----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Contos de Horror

O Mistério das camisetas com os rostos de pessoas aterrorizadas

Editora Maldita

Do inicio ao Começo

Vida de Escritor

Carros Assombrados - O Carro Maldito

Carros Assombrados - O Carro Vampiro

A Maldição da Lua - Este conto é para os Lobos

O Fotógrafo de Túmulos

Vem a nós - Literatura Noir

Problem Child

O show não pode parar

O Mistério dos Leitores Desaparecidos

Uma noite com um Vampiro
Um conto que fiz bem estilo terrir (comédia/terror)

Paixão Roubada

Mentiras são flores no jardim do mal

A Vampira de Vermelho

O Presente

Ele deixou o palco




----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

História de Aventuras e Ficção

O Dia em que as Nuvens Caíram
Eu sempre desejei escrever algo sobre zumbis mas com um toque meu.
A história chamou a atenção de muita gente por sua construção diferenciada sobre o assunto.

O Paladino das Árvores
História de um super herói brasileiro que tem um poder muito especial. - Especial para o dia das árvores

Estou Voltado para Casa
Esta é uma história que fiz bem ao estilo seriado antigo chamado "Além da Imaginação" - É sobre um pai que só queria voltar para sua família.

FILOSOFIA VLAD
O que aconteceria se alguém descobrisse uma forma de trazer "Vlad o Empalador" para os dias de hoje? - O Caçador Angelo é contratado para resolver este mistério vampírico. -

Sonhe sempre comigo

Vampiros no Transatlântico
Existiam vampiros no Titanic?

A Noite do Lobo - Conto de aventura e comédia com lobos, bruxas e o Lord Dri http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/10/a-noite-do-lobo.html

Os Cinco Vampiros
Um conto sobre um grupo de cinco vampiros. -

A Velha História

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------



Contos de Terror e Vampiros



As Histórias do Neculai -
mais de 60 histórias sobre este vampiro insano.
Leia todas as histórias neste link:
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/01/as-historias-do-vampiro-neculai-em.html



As Histórias do Neculai - Autor Adriano Siqueira
Segue abaixo os links das histórias do Neculai em ordem cronológica.

1 - Um Minuto de Desespero
Esta é a primeira história criada sobre o vampiro Neculai Nela, vemos como este vampiro ataca as suas vítimas
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/12/um-minuto-de-desespero-conto-de-vampiro.html

2 - Dois Minutos de Desespero
história número 2 sobre o Vampiro Neculai, ele vai atrás de novas vitimas
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/12/dois-minutos-de-desespero-alo-sou-eu.html

3 - Alguns Minutos de Desespero
Um caçador aparece para tentar destruir o vampiro que se alimenta de sangue e desespero
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/12/alguns-minutos-de-desespero-alo-voce.html

4 - Minutos de Desespero de um Fim de Ano
O vampiro Neculai participa de um ambiente bem familiar e comodista onde todos são felizes até o celular tocar
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2014/12/minutos-de-desespero-de-um-fim-de-ano.html

5 - Segunda Noite de Desespero
Algumas pessoas tentam fazer uma entrevista ao vivo com o vampiro Neculai e eles acabam pagando caro por isso.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/01/segunda-noite-de-desespero.html

6 - Terceira Noite de Desespero
Nesta história número 6 os fãs indicam pessoas para o vampiro Neculai se alimentar do Sangue e Desespero
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/01/alo-neculai-esta-com-fome.html

7 - Mais desespero na terceira noite
Nesta história, que é a número 7, o vampiro Neculai conhece a primeira pessoa que vai ajudá-lo em outras histórias. Deise Day
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/01/mais-desespero-de-uma-terceira-noite.html

8 - Quarto Dia de Desespero - Hora de Confessar
Nesta história número 8 - Neculai visita uma igreja e explica a sua necessidade de Sangue e Desespero
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/01/quarto-dia-de-desespero-hora-de.html

9 - No limite do êxtase e do Desespero - A Volta de Neculai
Esta história número 9 do vampiro Neculai, mostra que as pessoas fazem de tudo para acabar com o seu desespero
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/01/no-limite-do-extase-e-do-desespero.html

10 - A Confiança surge no Desespero
O vampiro Neculai se diverte com a confiança dos humanos e coloca a sua fiel amiga à prova
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/01/a-confianca-surge-no-desespero.html

11 - Um Encontro com o Desespero
Neculai manipula um casal de namorados para conquistar o seu precioso sangue e desespero
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/01/um-encontro-com-o-desespero.html

12 - O Vampiro, o Ladrão e o Desespero
Neculai liga para um celular roubado e resolve se divertir com o ladrão
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/01/sangue-e-desespero_26.html

13 - Fugindo do Desespero - Seu sonho pode ser sua destruição
Relacionamento pelas redes sociais com alguém desconhecido é complicado. O vampiro Neculai dá uma lição em alguém que enganou várias pessoas.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/01/fugindo-do-desespero-seu-sonho-pode-ser.html

14 - Os Filhos do Desespero
É uma das histórias mais lidas do Neculai. Nela, o vampiro atormenta um homem que abandona a amante por tê-la engravidado. Ele então, elabora uma armadilha muito engenhosa para conquistar o seu sangue e desespero
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/01/os-filhos-do-desespero-o-vampiro.html

15 - Balada Sangrenta com uma dose de Desespero
Você descobre pela primeira vez como o Neculai realmente aparece, e isto acontece em uma casa noturna. A insanidade e a loucura seduz os humanos mostrando que o vampiro está sendo bem querido pelo público e ele continua sedento de sangue e desespero
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/02/balada-sangrenta-com-uma-dose-de.html

16 - A Cor do Desespero
Neculai encontra uma pessoa com deficiência visual. Ele a examina e lhe dá um poder especial para ajudá-lo como forma de gratidão
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/02/a-cor-do-desespero.html

17 - O Desespero Virtual - Neculai mostra um novo poder
Neculai não só mostra mais sobre o seu poder como também passa este poder para uma pessoa. Estes morcegos coloridos saindo do celular são perigosos
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/02/o-desespero-virtual.html

18 - O Pacto com o Desespero
O vampiro Neculai é pressionado pelos demônios a assinar um pacto para que ele só mate quem eles quiserem. Porém o Neculai com o seu jeito manipulador, muda as regras
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/02/um-acordo-com-o-desespero.html

19 - O Discurso do Desespero
Neculai mostra como se faz um discurso polêmico que poderá levá-lo a conquistar mais poder.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/02/o-discurso-do-desespero.html

20 - O Desespero de um Sequestro
Neculai consegue salvar uma pessoa de um sequestro, mas ele nunca faz nada de graça
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/02/o-desespero-de-um-sequestro.html

21 - O Desespero ao Vivo
Está é a primeira historia em que o vampiro Neculai aparece em um programa de TV - a história mostra bem as suas vontades de ter um programa de TV só para ele
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/02/o-desespero-ao-vivo-o-vampiro-neculai.html

22 - O Desespero de um Ritual de Vampiros
Um grupo de amigos se reúnem e invocam o vampiro em um ritual de vampiros.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/02/o-desespero-de-um-ritual-e-vampiros.html

23 - As Páginas do Desespero
o vampiro Neculai encontra alguém que não devolveu os livros que pegou emprestado
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/02/as-paginas-do-desespero.html

24 - A Lei da Sedução e do Desespero
Neculai seduz uma estudante de Direito que vai ajudar muito em outras histórias
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/02/a-lei-da-seducao-e-do-desespero.html

25 - O Livro do Desespero
Neculai procura uma escritora para fazer o seu livro. Ele vai fazer de tudo para ser o livro do ano.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/02/o-livro-do-desespero.html

26 - Eu prevejo muito Sangue e Desespero
Neculai conhece um garoto que vai ajudar muito o vampiro com os seus poderes de prever o futuro mas para ter a ajuda deste garoto ele elabora um plano meticuloso
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/03/eu-prevejo-muito-sangue-e-desespero.html

27 - A Loucura, o Amor e o Desespero
o vampiro está ficando famoso e conquistando fãs por todos os lados. A história mostra que as vezes isso pode ser perigoso.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/03/a-loucura-o-amor-e-o-desespero.html

28 - A Luta pelo Desespero
Neculai faz um Manifesto na Avenida Paulista e mostra a verdadeira força do seu poder para os humanos. É uma verdadeira aula de manifesto feita por um vampiro.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/03/a-luta-pelo-desespero-o-manifesto-de.html

29 - Os três desejos do Desespero
Três mulheres invocam o vampiro Neculai em um ritual e cada uma delas tem um desejo. Será que o vampiro vai dar o que elas pedem? Esta história também mostra o início da saga de uma vampira bem conhecida nas próximas histórias do Neculai.
 http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/03/os-tres-desejos-do-desespero.html

30 - A Vampira e o Desespero
Sequência da história anterior onde o vampiro Neculai pede ajuda a uma vampira para concluir o seu ritual e transformar uma pessoa em vampiro.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/03/a-vampira-e-o-desespero.html

31 - Desespero em Família
A vampira Karina aprende com o Neculai a conquistar o seu precioso alimento.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/03/desespero-em-familia.html

32 - O Desespero apresenta suas Armas
Mais um manifesto que o participa e agora ele tem um plano que pode ajudar ainda mais a conquistar os seus aliados.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/03/o-desespero-apresenta-suas-armas-conto.html

33 - A Propagação do Desespero
O Vampiro Neculai encontra alguém que difama as pessoas pelas redes sociais.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/03/a-propagacao-do-desespero.html

34 - Os Sedutores e Assustadores caminhos do Desespero
O vampiro Neculai ensina a vampira Karina a seduzir suas vítimas.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/03/os-sedutores-e-assustadores-caminhos-do.html

35 - O Desespero em Leves Prestações
Neculai cria através da sua TV um Carnê para que os comodistas paguem para serem "protegidos"
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/03/o-desespero-em-leves-prestacoes.html

36 - Ordem e Desespero
A caça dos comodistas começa. A vampira Karina se alimenta e o poder do Neculai na mídia aumenta.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/03/ordem-e-desespero.html

37 - O Desespero vem para o Jantar
Enquanto Neculai pega um ladrão de casas, Ele seduz uma mulher muito importante e influente em um jantar.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/03/o-desespero-vem-para-o-jantar.html

38 - A Matéria do Desespero
Um repórter mostra ao público que o vampiro foi o seu salvador.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/04/a-materia-do-desespero.html

39 - O Céu, O Inferno e o Desespero
Neculai reúne os representantes do Céu e do Inferno para negociar.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/04/o-ceu-o-inferno-e-o-desespero.html

40 - Na Velocidade do Desespero
Neculai detém um ladrão de carros para conquistar um grande aliado
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/04/na-velocidade-do-desespero.html

41 - Neculai, o Rei do Desespero
O vampiro desta vez luta contra algumas pessoas que usam o medo para ganhar dinheiro.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/04/neculai-o-rei-do-desespero.html

42 - O desespero toma conta da Internet
Neculai invade a internet para mostrar a sua força.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/04/o-desespero-toma-conta-da-internet.html

43 - A Verdadeira história do Desespero
Neculai reencontra a sua escritora para contar a sua real história
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/04/a-verdadeira-historia-do-desespero.html

44 - O Desespero veste Preto
O vampiro conhece uma pessoa que é menosprezada por usar roupas de cor preta.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/04/o-desespero-veste-preto.html

45 - O Desespero Queima
A Tv do Neculai divulga uma forma curiosa de fazer as pessoas não terem mais livros de vampiros que não sejam do Neculai.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/04/na-linha-do-desespero.html

46 - A fina linha que separa o Sangue do Desespero
Neculai persegue uma pessoa que faz folhetos para alertar as pessoas sobre ele.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/04/a-fina-linha-que-separa-o-sangue-do.html

47 - Hoje vamos aprender um pouco mais sobre Sangue e Desespero
O vampiro ajuda um grupo de professores que foram encurralados pela polícia.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/05/hoje-vamos-aprender-um-pouco-mais-sobre.html

48 - O Desespero de Karina
Uma história solo da vampira Karina que mostra todo o seu aprendizado para conquistar o seu alimento
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/05/o-desespero-de-karina.html

49 - A Perigosa Caçada contra o Desespero
Um caçador enfrenta o vampiro Neculai.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/05/a-perigosa-cacada-contra-o-desespero.html

50 - O Desespero no Cinema
Neculai quer fazer o seu filme e procura alguém que possa interpretar a vampira Karina no cinema. S´que antes ele deve conversar com o seu agente.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/05/o-desespero-no-cinema.html

51 - O Desespero em duas rodas
A vampira Karina é presa e Neculai elabora um plano para salvá-la 
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/05/o-desespero-em-duas-rodas.html

52 - Neculai - Passeio Noturno
O vampiro liga para alguém que maltratou um morador de rua e se diverte com ele para conquistar o seu sangue e desespero.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/05/neculai-passeio-noturno.html

53 - O Desespero em Foco
O vampiro persegue uma pessoa que está escrevendo um livro para difamá-lo.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/05/o-desespero-em-foco.html

54 - O Desespero saiu pela culatra
O vampiro reúne as principais montadoras de carros para criar um novo carro popular mas ele está sendo alvo de um franco atirador.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/06/o-desespero-saiu-pela-culatra.html

55 - O Desespero dos Desesperados
Nesta história, o vampiro Neculai aparece em uma quermesse para conquistar novos aliados e fala sobre a atual situação do país.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/06/o-desespero-procura-os-desesperados.html

56 - Nesta história o vampiro Neculai mostra um pouco mais sobre o seu dia que é lotado de compromissos para conquistar mais sangue e desespero
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/06/um-dia-na-vida-do-desespero.html

57 - Digite "1" para Desespero
Um casal tenta roubar todos os contatos de uma empresa concorrente e encontram o número do celular de um vampiro chamado Neculai.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/07/digite-1-para-desespero.html

58 - O Jogo do Desespero
O vampiro Neculai faz uma armadilha no seu programa de TV ao vivo para arrecadar mais dinheiro
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/07/o-jogo-do-desespero.html

59 - Rock, Sangue e Desespero
O vampiro Neculai é chamado para salvar um show de Rock
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/07/rock-sangue-e-desespero.html

60 - O lançamento do Desespero
No dia do escritor, muitas mortes e muito suspense no lançamento do Livro do Vampiro Neculai
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/07/o-lancamento-do-desespero.html

61 - A Loja do Desespero
Três homens jogam lixo dentro de uma loja para intimidar a dona a mudar de local, mas o vampiro Neculai resolve dar uma aula para eles repleta de Sangue e Desespero
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/08/a-loja-do-desespero.html

62 - O Desespero dita as regras
Três homens jogam lixo dentro de uma loja para intimidar a dona a mudar de local, mas o vampiro Neculai resolve dar uma aula para eles repleta de Sangue e Desespero
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/08/o-desespero-dita-as-regras.html

63 - O Desespero na Linha 1
Com medo do Neculai, um homem começa a matar todos que usam o celular. É a chance para o Neculai fazer sua campanha política.
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/09/o-desespero-na-linha-1.html

64 - As apostas do Desespero
O vampiro Neculai liga para fazer uma aposta cheia de sangue e desespero  e também ajuda uma viciada em jogos
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/09/as-apostas-do-desespero.html

65 - A Farmácia do Desespero
Um anúncio para TV, produzido pelo vampiro Neculai, atrai a atenção do público e abre o caminho para conquistar mais fãs
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/09/a-farmacia-do-desespero.html

66 - Gostosuras e Sangue ou Travessuras e Desespero?
O Vampiro Neculai cria um jogo diabólico e usa o seu conhecimento para manipular um grupo de amigos e assim, conquistar o seu Sangue e Desespero
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/10/gostosuras-e-sangue-ou-travessuras-e.html

67 - O sonho, a loucura e o Desespero
O Vampiro Neculai mostra que as vezes somos vítimas de nossos próprios monstros
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/10/o-sonho-loucura-e-o-desespero.html

68 - O Desespero da Obsessão 
Um fã obcecado e maníaco desafia o vampiro Neculai
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/11/o-desespero-da-obsessao-nova-historia.html

69 - O Hotel do Desespero
O Vampiro Neculai realiza sonhos insanos dentro de um Hotel
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/11/o-hotel-do-desespero.html

70 - O Desespero sem cortes
O Vampiro Neculai entra em um jogo de sedução para conquistar seu sangue e desespero
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/09/o-desespero-sem-cortes-contos-do.html

71 - O Palhaço encontra o Desespero
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/10/o-palhaco-encontra-o-desespero.html

72 - O Segredo do Desespero
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2016/11/o-segredo-do-desespero.html

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Histórias em capítulos



Fator Montese - Uma aventura com vários personagens meus juntos
http://contosdevampiroseterror.blogspot.com.br/2015/09/fator-montese-vampiros-historia-inedita.html

Sobre a história 
"Fator Montese" é o nome da história que unirá vários personagens que criei ao longo destes anos: Cavaleiro Valente, Lord Danny Ray I (Também conhecido como Lord Dri), Neculai, Luney (o Exorcista de Carros assombrados), Angelo Donnati (O Caçador) e a vampira Lumina. 
O Ritual Montese foi o que deu o poder que conhecemos hoje para o vampiro Neculai ser o que é, só que alguém achou este ritual e quer formar um exército que possa viajar da mesma forma do Neculai p
ara dominar vários países.
Todos os personagens desta história terão um interesse particular neste ritual e certamente isso irá gerar muitas polêmicas sobre com quem ficará ou para que fim será realmente utilizado.
 
-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------




----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Histórias e poemas Narrados - Audioconto 
Escrito e narrado por Adriano Siqueira


Um audioconto de terror que fiz e se chama "Vitória" -
http://www.overmundo.com.br/banco/contos-de-vampiros-vitoria-por-adriano-siqueira
https://www.youtube.com/watch?v=W92CXKuHGHw

Toque Mortal - audioconto de terror
https://www.youtube.com/watch?v=LkGKAZ-1Fd4

A Desculpa - Narrado e escrito por Adriano Siqueira (todas as vozes)
https://www.youtube.com/watch?v=_mMJoZ1UP3o

Os Abandonados
https://www.youtube.com/watch?v=QrC0dHPEr3E

Mulher Vampira - Homenagens as vampiras
https://www.youtube.com/watch?v=NiZSa5iqXfY

Meu mundo Insano
https://www.youtube.com/watch?v=FzgwVluvxRw

A Eterna aliança dos irmãos
https://www.youtube.com/watch?v=-0OLkXXuGac

A Vampira e a Vingança
https://www.youtube.com/watch?v=HCoLhBT4Mgs

V de Vampiro e de Vitória
https://www.youtube.com/watch?v=BBmqeoe18Og

A Sintonia dos Vampiros
https://www.youtube.com/watch?v=Wu3ax2IvNeA

Controle Total dos Vampiros
https://www.youtube.com/watch?v=N2NYCNQaaLg


Audiocontos com histórias de Adriano Siqueira 
narrado por outras pessoas


Hora de ler um livro de vampiros - história de Adriano Siqueira - Narração Bianca Luna - do blog Entre Livros e Entrelinhas 
https://www.youtube.com/watch?v=1z5_s1tIA80 


BALADA NOTURNA - história de Adriano Siqueira - Narração Bianca Luna - do blog Entre Livros e Entrelinhas 
https://www.youtube.com/watch?v=15ERFwz_ilg 

A Terrível História do Fotógrafo da Morte - narrado pelo canal - Eu Te Conto
https://www.youtube.com/watch?v=Z58asJgwiI8

Destino - história de Adriano Siqueira Narrado por várias pessoas
http://www.overmundo.com.br/banco/contos-de-vampiros-para-ouvir-como-nas-antigas-radionovelas

Ira da vampira - texto adriano siqueira - narração - Kah Dracovik
https://www.youtube.com/watch?v=krMPzY8Fp7o

O Dia em que as Nuvens Caíram- Narrado por LeMohamed Aki
https://www.youtube.com/watch?v=7GW_VvA0RJc

A Vampira do Lotação - Narração Lis Moment
http://www.overmundo.com.br/banco/a-vampira-do-lotacao

Vampyra Luna - Narrado por Lis Moment
http://www.overmundo.com.br/banco/vampyra-luna-poema-narrado-dedicado-as-mulheres-vampiras


--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


E-books sobre vampiros com romance, ação e erotismo 



A Deusa dos Vampiros - Ação, Romance e Erotismo
A Deusa dos vampiros invade o planeta Terra a procura de um vampiro para reinar com ela em seu mundo.
http://www.overmundo.com.br/banco/a-deusa-dos-vampiros-por-adriano-siqueira

Uma Vampira na Cidade
Eu sua longa jornada o Personagem Lord Dri participou de uma história fantástica que escrevi junto com a Stefany Albuquerque e foi escrito em 2012
O e-book pode ser adquirido neste link gratuitamente:

http://www.overmundo.com.br/banco/uma-vampira-na-cidade



Livro: "Adorável Noite" de Adriano Siqueira - onde comprar




--------------------------------------------------------------------------------------------------------

Livro: A Maldição do Cavaleiro de Adriano Siqueira - onde comprar



Confira as lojas onde você encontra o livro "A Maldição do Cavaleiro", de Adriano Siqueira.

Veja neste link: http://pagina42.com.br/index.php/nosso-catalogo/alfabetica/lista-fantas/102-maldicao-cavaleiro




---------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Abraços e uma adorável noite
Adriano Siqueira
siqueira.adriano@gmail.com






Banner deste blog

Banner deste blog
Contos de Vampiros e Terror

  ©CONTOS DE VAMPIROS - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo