O Sangue dos Vampiros - clique aqui

O Sangue dos Vampiros - clique aqui
conheça mais sobre o livro O Sangue dos Vampiros - 2017

Livro Luar de Sangue da autora Dione M. S. Rosa

Livro Luar de Sangue da autora Dione M. S. Rosa
Livro que pode ser adquirido diretamente com a autora - clique no banner para conhecer o blog da autora.

segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

Minutos de Desespero de um Fim de Ano


─ Alô!
─ P-por favor por favor. Q-quem está falando?
─ É o Cláudio. 
─ É a L-Lucia.
─ Lucia! que aconteceu com seu celular? Fez tempo que ligo e ninguém atende! Estamos te esperando para a festa de final de ano. Todo mundo já está aqui.
─ C-Cláudio aconteceu um problema. Eu tive que negociar. Eu sinto muito. Este celular que estou usando é de um homem que morreu tentando me salvar. 
─ Mas...? Do que você está falando Lucia? 
─ Um Monstro Cláudio. Ele me prometeu me deixar viva se eu passasse os contatos da minha família. Me deixaria em paz caso eu lhe passasse todos os números de vocês.
─ Você está louca? Deu o seu celular para um estranho?
─ Avise todos para não atenderem seus celulares! Não sou eu! 
─ Mas...!
─ Avise Agora Cláudio! 
─ Ok! Tá bom! Já entendi não precisa gritar! Espera... Gente! Atenção! A Lucia não quer que vocês atendam os seus celulares. Isso vale pro senhor também mesmo que esteja sem mãos, e pra senhora também que está com o pescoço quebrado e também para você mocinha que está afogada no ponche, e Também para você que tem um celular enfiado no...

─ Não!! Seu monstro. você matou todos! Está imitando a voz do Cláudio. 
─ Neculai! Meu nome é Neculai!
─ Como pôde fazer isso. Minha família inteira!

─ Foi fácil. Comecei ligando para sua tia que estava sozinha no banheiro e ela ficou desesperada quando eu disse o que fiz com você. Antes dela informar sua família eu apareci e suguei seu sangue delicioso com aquele sabor de medo, pânico e desespero. Peguei o celular dela e fiquei ligando para cada um que estava aqui. Adoro essa tecnologia moderna que indica quem são os familiares. ficou bem fácil descobrir quem era quem aqui. Imitei a voz da sua tia e disse que estava trancada no banheiro.Em segundos ficavam desesperados vendo sua tia de cabeça para baixo sem cabeça e eu tomando um banho com seu sangue, Sempre quis imitar a Condessa Elizabeth Bathory.Aliás que banheiro lindo este. Mármore e também com hidromassagem. Dava para fazer uma boa festa com alguns Vampiros aqui. Se bem que eu ainda não achei alguém como eu. 

─ Seu desgraçado! Monstro! Maldito!! Toda a minha família morta. 
─ Já disse que meu nome é...
─ Por que ainda estou viva? Por que não me mata logo!
─ Você tem bons contatos no seu celular. Tem muita gente para conhecer.
─ Responda!
─ Shh! Silêncio. Neculai vai comemorar o ano novo e você merece um presente. Tenho que juntar sua família para a festa. 
─ Presente? Seu maniaco! Quero que morra!
─ Vai adorar meu presente. Vamos fazer uma Selfie com todos juntos e enviarei a foto para você. 
─ Nãooo!
─ Sabia que iria adorar. Feliz Ano Novo!



Por: Adriano Siqueira



Postar um comentário

Banner deste blog

Banner deste blog
Contos de Vampiros e Terror

  ©CONTOS DE VAMPIROS - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo