Livro Luar de Sangue da autora Dione M. S. Rosa

Livro Luar de Sangue da autora Dione M. S. Rosa
Livro que pode ser adquirido diretamente com a autora - clique no banner para conhecer o blog da autora.

quinta-feira, 29 de maio de 2014

Uma Visão do Vampirismo



Uma Visão do Vampirismo:
Por Adriano Siqueira


O Vampiro para as mulheres... é o homem misterioso e sensual que toda mulher procura! É aquele homem que chega (a noite) diz as coisas que elas querem ouvir e se sentem encantados por estarem ao lado delas.. É o homem que é pai e filho! É a salvação da vida tediante e minimalista que geralmente as mulheres passam é o impossível e o inacreditável misturado em um homem só... O vampiro para o homem.... é o que o homem sempre quis ser para conquistar as mulheres que gostam de vampiros!
Claro que esta não é a minha opinião particular! Apenas quero dividir com vocês por serem democráticos! Eu não estou dizendo que concordo exatamente com esta opinião! Vejam abaixo os relatos do Freud:
O beijo-mordida do vampiro, para chupar o sangue, tem um conteúdo sádico-erótico que também não passou despercebido para os psicólogos. Ernest Jones diz que "O ato de chupar tem um significado sexual desde a mais tenra infância, que se mantém durante toda a vida através do beijo".
A mordida, Segundo Freud, é um beijo em parte sádico, em parte erótico. Além de que o sangue se relaciona profundamente com a sexualidade.
Em sua história do vampirismo, Montague Summers escreveu que "há muito tempo que os psicólogos reconhecem a existência de uma relação precisa entre a fascinação pelo sangue e a excitação sexual". Freud ainda diz que: "O medo mórbido sempre significa desejos sexuais reprimidos"
O escritor inglês Murice Richardson, um especialista contemporâneo em vampiros, concorda com esta opinião do pai da psicanálise. Segundo Richardson, o vampiro encarna os desejos sexuais reprimidos e o sentimento de culpabilidade sexual que datam da infância.



---------------------------------------------------------------------------------------------------

Complemento sobre o texto “Uma Visão do Vampirismo”

Quando escrevi este texto, que é de 2002, sobre essa outra Visão do Vampirismo eu queria mostrar a visão do homem e da mulher através da sua sexualidade com o vampirismo.

Sinceramente fiquei temeroso de continuar a fazer um texto mais extenso pois entrariam na psicologia moderna machismos e feminismos sobre a necessidade dos homens que querem sempre mais sem fazer nada e as mulheres estarem sempre lutando para conquistar.

Vemos muito disso hoje, e se baseando nos textos do livro Drácula do Bram Stoker. "Como é que as mulheres podem ver este vampiro com tanta idolatria se ele declaradamente tinha três noivas e ainda queria uma nova mulher que achava ser a a antiga reencarnada?"

Será que um homem casado com três (que já é impossível) conseguiria convence-las que ele finalmente tinha encontrado o seu antigo amor reencarnado? Ah. meu amigo. No dia seguinte estava estampado nas manchetes dos jornais.
"Vampiro encontrado com três estacas enfiadas no coração!"
Ou"Trigano da Transilvânia vende todos os bens para pagar a pensão para as noivas."

Certamente elas saberiam que o Conde não ficaria com uma só. E você vê claramente nos textos que em nenhum momento elas brigavam entre si. Aceitavam-se como noivas do Conde e estavam contentes com a sua procura por uma amada reencarnada. Noivas até quando? Quer dizer que elas sabiam que nenhuma delas seria a esposa? E a lei que diz que tres anos já é esposa declarada? Isso sim é a ficção real do livro. :-)

Os homens querem ser o Conde Drácula por ele poder se transformar em vários animais noturnos? Poder controlar os os relâmpagos e as chuvas? Ter a força de 10 homens? ou ser noivo de três mulheres que aceitam tudo? :-)

O que eu tentei passar foram alguns fatos para entender essa relação do Conde Drácula na visão dos homens e mulheres.

Segue abaixo mais imagens sobre as noivas de Drácula






quarta-feira, 28 de maio de 2014

O Vampirismo na hipnose e no Controle da Mente



O Vampirismo na hipnose e no Controle da Mente

A hipnose é uma ferramenta fundamental para todos que querem conhecer mais sobre os poderes da mente. As viagens astrais, o domínio do inimigo, o conhecimento do poder interior, o controle da dor e do prazer. Esta ferramenta abre as portas trancadas dentro do nosso cérebro, consegue desenterrar as mais antigas lembranças e também pode colocar lembranças que nunca existiram. Através de algumas palavras chaves algumas pessoas conseguem recordar um livro inteiro incluindo os números das páginas. E em algumas séries de Tvs, onde alguns vilões usavam "palavras chaves" para um individuo qualquer se transformar em um assassino.
O assunto é tão abrangente e fascinante que acabou tendo um nome em comum com os fãs desta pratica – “Mind control”. Existem em muitos sites americanos e japoneses a divulgação desta pratica. Mostram como elas foram muito utilizadas em filmes e seriados. Incluindo na maioria das vezes, os de vampiros.



Este é um poder que os vampiros já adquirem para possuir suas vitimas. Muitas vezes usado pelos próprios caçadores para seguir os passos do vampiro.

Este poder extraído da hipnose pode ser tão grandioso que poderia explicar as várias formas que as testemunhas viam um vampiro. Se ele molda a mente das pessoas, ele  poderia facilmente modificar as suas mentes para vê-lo com várias formas diferentes incluindo a de Morcego que é a sua forma mais conhecida. Seria então um ser sobrenatural que poderia, com a sua sugestão hipnótica, fazer acreditar na existência das suas transformações. Como o mágico Mandrake faz em suas histórias em quadrinhos. Se isso for verdade, poderíamos até contestar as evidências da sobrenaturalidade de um vampiro. Poderia ser então um humano normal que tem muita experiência com o hipnotismo e assim fazer-se sobrenatural. Métodos aproximados aos mágicos, como se transformar em fumaça ou mesmo o famoso poder de voar.
Mesmo com todas estas teorias seria difícil explicar a sua longevidade? Poderia o vampiro fazer com que as pessoas o vissem como um jovem quando na realidade é muito mais idoso do que parece?
Através da hipnose isto seria fácil.



O Mind Control e a hipnose são armas perigosas e devem ser usadas com cautela. Com ela você pode mudar a vida de uma pessoa completamente. Transformando uma mente pura em uma completamente pervertida e mortal.
Os estudiosos sobre o tema advertem que tudo é ainda ficção, porém, baseando-se nos filmes do vampiro algumas dessas armas foram criadas pela cia com o nome de Mk Ultra.



O texto abaixo mostram algumas destas técnicas.

 --------------------------------------------------------------------------------------------------------

O texto abaixo foi extraído do livro “Dicionário de Ciências Ocultas – 1973
Coleção – Adriano Siqueira

HIPNOTISMO

Os prodígios magnéticos sobre os quais atraiu tão calorosas controvérsias a propaganda do famoso Mesmer, caíram, no principio dos século 19, no maior descrédito. As conclusões negativas da Academia de Medicina da França, pareceram uma razão suficiente para um abandono decisivo da questão, e os teimosos magnetizadores enfrentaram uma segura e pouco invejada fama de loucos e charlatães. Tal era o triste estado da questão, quando, em 1840, um cirurgião de Manchester, James Braid, observou os efeitos hipnogênicos do ponto brilhante, e recomeçando as experiências, fez com que o sono nervoso retornasse à cena para o espanto dos sábios da Inglaterra. Braid batizou de hipnotismo suas descobertas, e, sob o este nome, os fatos que antes só haviam despertado uma obstinada reprovação na franca. A partir de então, o fenômeno foi acolhido de uma forma diferente, tornando-se a base das maravilhas que hoje em dia ninguém mais discute.
Atualmente estabelecem-se entre o sono hipnótico e o magnético certas diferenças especiais, quando aos seus caracteres e condições, se bem que no fundo ambos são uma mesma coisa e um só fenômeno, e tem-se como certa a influencia que uma pessoa pode exercer sobre outra, ainda que esta influencia seja algo diferente do agente fluídico, suposto pelos magnetizadores de outras épocas.


EXTERIORIZAÇÃO

Certos fatos assombrosos do hipnotismo, estudados profundamente por De Rochas, deram soluções cientificais a importantes questões da magia, e entre elas a possibilidade do embruxamento e dos fenômenos oferecidos por alguns médiuns espíritas. Estes fatos receberam o nome de exteriorizações da sensibilidade, da produtividade e da força motriz, segundo sua classe, e já se constituem numa verdade científica, positivamente adquirida, que certamente será a base de outras descobertas não menos assombrosas.
Baseando-se no fato já comprovado de que, em determinados graus da hipnose, os sujeitos são insensíveis organicamente (anestesia), ou sumamente sensíveis (hiperestesia) à vontade do hipnotizador, de De Rochas, Richet e outros tentaram a exteriorização da sensibilidade, e obtiveram resultados bastante satisfatórios.
De Rochas cortou uma mecha de cabelos do sujeito foi submetido ao sono hipnótico, e sua sensibilidade, transferida para o boneco, que foi entregue para o seu ajudante. Este levou-o para uma outra casa, com ordens ara que depois de algum tempo, no momento em que quisesse, arrancasse os cabelos do boneco e como bem entendesse, mas tomando nota do momento exato da operação. O ajudante se retirou, e De Rochas e outros assistentes acordaram o paciente pouco depois. Mantiveram uma conversa descontraída e informal durante certo tempo, até que num dado momento o sujeito interrompeu a reunião como um ai!, dizendo que alguém lhe tinha arrancado um cabelo na nuca, levando a mão ao local. Persuadido de que ninguém lhe tinha encostado, continuaram a reunião. Depois, em intervalos diferentes por mais três vezes, o sujeito se queixou com idênticas exclamações e pelo mesmo motivo. Mais tarde, ao compararem a hora e os fatos, viu-se que tudo coincidia exatamente com as manipulações do ajudante, em cumprimento às ordens recebidas.
Richet comprovou diversas vezes que os sujeitos em estado de letargia, que perdem toda a sensibilidade orgânica, percebem nitidamente a sensação correspondente, mas fora do corpo. Para prová-lo, picou e queimou várias vezes as carnes de pessoas, sem que estes dessem o menor sinal de dor. Mas ao contrário, ao aplicar um fósforo aceso numa zona atmosférica que variava entre 20 centímetros e 5 metros, ou ao picar esta região com um alfinete, as pessoas sentiram a queimadura e a picada. Depois destas experiências, é impossível negar-se a exteriorização da sensibilidade. A mesma coisa acontece com a exteriorização da percepção.
Não só um, mas diversos pesquisadores provaram que, em certo grau de sonambulismo, a pessoa pode ver atrás, pelas mãos, pelos pés, ou mesmo por nenhum dos órgãos do corpo, mas fora de si e as distâncias imensas. Estes fenômenos, segundo suas espécies, podem ser de clarividência e clariaudiência.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------



Os fatos que se seguem abaixo, foram coletados por mim e um amigo na época, em 1991. Os nomes foram trocados, incluindo o da seita. Pois, embora esta seita não exista mais, algumas novas foram influenciadas diretamente por ela.

É óbvio que não se deve tentar em casa o que se segue abaixo.

Isto que informo é apenas um relato. Sou apenas alguém que presenciou algo que achei incrível e ao mesmo tempo pura loucura. Mas passo para vocês apenas para informação..

Naquela época pude presenciar pela primeira vez um dos estágios da hipnose.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------

Vampiros de Energia através do hipnotismo
Por Adriano Siqueira 

Uma mulher aparentando 25 anos foi para o centro da sala e o mentor a hipnotizou com apenas alguns movimentos dos braços.

Acho que comecei muito rápido...

Vamos falar um pouco sobre essa seita e sobre o que eles faziam.

A seita ainda estava nascendo. Poucos participantes, não passavam de 20 pessoas curiosas por conter alguns cursos agregados como Teologia e conversas com entes extraterrestres. Isso mesmo! Entidades extraterrestres que falavam a nossa língua em vários sotaques diferentes em um mesmo corpo.
O mentor que estava recebendo as entidades estava mal de saúde. Cambaleava o tempo todo e se dizia um fraco e que não duraria muito. Uma atitude típica de uma seita que quer crescer. Sempre mostrando vulnerabilidade e pedindo ajuda, pedindo ajuda e mais ajuda. Diferente de algumas que conheci onde geralmente eram pessoas ricas que diziam: Se vocês querem ser iguais a mim sigam essas regras etc. Isso é quando a seita já está com milhões de fiéis.
O mentor devidamente trajado de branco recebia seu guia extraterrestre e “falando com sotaque alemão” conversava sobre a física e sobre a matéria como um cientista. Alertava sobre os perigos de alguns alimentos e bebidas. Dizia sobre os refrigerantes serem produzidos por alienígenas e sobre algumas propagandas subliminares. O hipnotismo fazia parte deste “show”.

Agora que deixei a seita mais explicada posso continuar onde estava.

A hipnose é assim mesmo! Não é que todas as pessoas sejam hipnotizáveis mas, a partir do momento que a pessoa aceita o teste, ela já está bem próxima de uma sugestão hipnótica positiva.

Com o corpo bem relaxado, a mulher balbuciava frases sem sentido enquanto o mentor-hipnotizador servia como um guia, dirigindo a hipnotizada para escadas e elevadores. Uma forma muito utilizada para uma conexão completa e profunda com o hipnotizado.
Algumas vezes ele estava dizendo que ela estava no elevador e ele ia descendo e ele a ajudava a contar os andares. 9, 8..., 2, 1, e logo que chegava no térreo ele ainda pedia para que ela descesse as escadas e ia contando os degraus.
A mulher ficava cada vez mais sobre o poder do mentor. Se uma pessoa que está relaxada e em um lugar completamente silencioso, funciona perfeitamente. É fascinante ver que depois de 20 minutos ela tinha chegado aonde ele queria. Um quarto que tem só um armário com várias gavetas.

O mentor ia apresentando as gavetas para a hipnotizada. Cada gaveta continha uma região do seu cérebro. Umas de dor e prazer, uma para memórias antigas, outra gaveta outras vidas, outra gaveta desconhecida. E ele ficava dizendo. Desconhecida pois você não conhece todo o poder que tem o seu cérebro.

Nada que ele disse era uma novidade absoluta. A maneira como ele dizia é que era estranha e nos levava a plena curiosidade.
Poderíamos finalmente conhecer nossos poderes escondidos no nosso cérebro? Apenas abrindo uma gaveta?

Mas não era uma simples gaveta. Ele dizia... “Não devemos esquecer que este cérebro é humano e como todo o humano devemos nos basear em objetos concretos para ajudar a realizar o impossível, o inimaginável.” Ele ainda dizia “Um jogador de futebol sabe dominar a bola perfeitamente em seu ambiente terreno. Mas coloque-o no espaço! Em um lugar que não tem gravidade. Sua experiência como jogador vai valer muito pouco pois o ambiente não é o que ele conhece!” Ele continuou falando. “O que estou fazendo aqui é mostrar um ambiente conhecido para facilitar o viajante a conquistar sua vitória.” “No momento aquelas gavetas são o seu cérebro e fica mais fácil para o cérebro entender meus comandos.”

Comandos! Era isso que eu temia que ele dissesse. Aquela mulher estava sob o seu comando e certamente ele estava dirigindo para qualquer lugar e qualquer parte que ele queira! Certamente ela iria ver o que ele queria que ela visse. Uma mente comandada pode agir como um sonâmbulo. Ela pode facilmente ser comandada a pensar que está em um parque e por vezes até sentir o cheiro das flores.

Fiquei analisando, de longe, tudo o que ele falava.

“A gaveta desconhecida têm muitos segredos. Por isso... Devemos abrir aos poucos.”
Abra lentamente e sem medo, pois o que têm lá dentro está dentro de você! E você não tem medo de você mesma! não é?” “ - Não tenho medo!”  Disse ela.

Ele a mandou prosseguir. Ela abriu a gaveta e ele afirmava que mesmo com a gaveta aberta ela ainda não conhecia o seu interior e ele dizia que era claro que não conhecia. Está gaveta nunca tinha sido aberta por ela antes e só tinha coisas desconhecidas e sem sentido e só com a ajuda dele que estes segredos se revelaria. Ele pediu para que ela ficasse calma pois ele diria exatamente o que deveria fazer.

Incrível como ele relacionava os objetos conhecidos para mostrar a profundidade do cérebro da moça.

“Veja que dentro da gaveta existem varias pastas! Cada uma dela com nomes desconhecidos que aos poucos estarei revelando para você! Mas não agora! No momento só quero que você pegue uma pasta, que está escrito à palavra. Energia.”

Ela fez como ele pediu. Rapidamente achou uma pasta com esse nome. Claro... foi sugestão dele para que ela a achasse.

“Agora! Quando disser para abrir a pasta você vai sentir está energia fluir em uma parte desconhecida do seu cérebro. Uma parte que a muito estava dormindo e que agora vai acordar. – Porém você não vai se sentir carregada de energia. Vai se sentir enfraquecida. Muito enfraquecida e sedenta, como se você não estivesse se alimentado por dias.”
Ela enrugou a testa e ele disse rapidamente: “-  Abra a pasta!“

Eu vi o corpo dela balançar e logo em seguida a sua cabeça e seus braços caíram como se ela tivesse desmaiada.

Ele perguntava... “ O que está sentindo?” –Cansada, exausta com fome, com sede.

“Ah. Mas não é exatamente fome de comida nem fome de água.”. “eu liguei a parte do seu cérebro que está ligada a energia pura. A energia do universo. A energia da matéria.!”

Ele andou em volta dela e foi falando para todos que estavam lá.
“Nada neste mundo material vai alimentá-la. O que a alimenta agora é a energia. Pura e infinitamente complexa  para os humanos.” “Agora prestem bastante atenção!”

Ele foi até ela e disse:
“Quando eu disser para abrir os olhos você vai ver a energia apenas... A energia que você nunca viu e que está em todos, em tudo. É uma energia tão forte que você estará convencida que ela a alimentará. Você precisa dela para viver. Fará de tudo para obtê-la. Para se alimentar desta energia basta apenas olhar para ela e gesticular com a mão e ela virá até você e será alimentada por ela. “

“ - Abra os olhos.”

Ela abriu e por azar eu estava bem na sua frente.

Ela me olhou... Como uma presa. Quando eu vi o seu braço se mexer... Eu desmaiei.

É claro que até hoje posso dizer que eu estava tão impressionado com aquilo tudo que a emoção do resultado me tirou de órbita.

Eu lamento que não tenha visto tudo até o seu final. Para mim era muito importante saber como toda aquela aula terminou. Mas A mulher que estava hipnotizada, não lembrava de nada e o mentor disse que quando a entidade toma conta do seu corpo era como se ele não estivesse lá.

Abraços
Adriano Siqueira

terça-feira, 27 de maio de 2014

Hoje é uma data muito especial

Neste dia nasceram grandes atores que já fizeram Drácula no cinema 

27 de maio de 1911 é a data de nascimento do grande ator Vincent Price
http://pt.wikipedia.org/wiki/Vincent_Price







Christopher Lee - 27 de maio de 1922 (92 anos) \o/
http://pt.wikipedia.org/wiki/Christopher_Lee







segunda-feira, 26 de maio de 2014

Novidades livro - A Queda - Pandora, Controle Sobrenatural - Autora Nazarethe Fonseca




Sinopse
"A Queda - Pandora, Controle Sobrenatural".  
Autora Nazarethe Fonseca

Zoe Lessa e outros detetives da agência de Controle Sobrenatural Pandora lutam para manter incógnita a presença do sobrenatural na cidade de Sacramento, reduto de todos os tipos de criaturas. 
Mas a rotina da agente é quebrada pela chegada de Alex Olivares, veterano colecionador de êxitos. O clima entre eles não é dos melhores, mas juntos, terão que solucionar uma série de suicídios suspeitos e terão que passar por cima das diferenças para salvar a próxima vítima.
Caliel chegou a Sacramento em busca de uma antiga ordem de guerreiros, defensores dos mortais, os Arcanos. O que ele não desconfia é que uma intrincada profecia prediz a queda de um jovem Nefilim, que trará dor e morte sobre tudo e todos. 
Tentado por anjos caídos e convocado por anjos, Caliel hesita entre a luz e as trevas. 
Agora a corrida é contra o tempo, a transformação é inevitável, os inimigos são muitos e o cerco está se fechando. 
Todos serão levados ao limite, segredos serão revelados, poderes descobertos. Zoe Lessa, Alex Olivares e Caliel terão que unir forças para enfrentar velhos inimigos e sobreviver à queda.




Site da Escritora Nazarethe Fonseca
http://nazarethefonseca.wordpress.com/

Vampiros de Energia - VE

Vampiros de Energia - Vampiros astrais - Vampiros de Almas



VAMPIROS DE ENERGIA (VE)



Os vários poderes do Vampiro Astral incluem viagens astrais, poder da mente sobre a matéria. A força do positivo e negativo interagindo como um só.

Se os V.E.s se adaptassem ao meio de vida dos homens mesclando com a sociedade atual, certamente os homens veriam o mundo de forma diferente. Eles veriam o mundo com a polaridade bem sintonizada.

Se os homens estivessem 100% carregados de energia positiva, eles veriam fantasmas, seriam a corrente elétrica positiva e logo estaríamos sendo condutores de telepatia...




---------------------------------------------------------------------------------------------------------

Vejam o texto abaixo que também fala um pouco sobre está técnica.


O embruxamento psíquico
Fonte: Dicionários das Ciências Ocultas – Editora três – 1973
Coleção Adriano Siqueira 

O texto abaixo explica um dos funcionamentos dos poderes psíquicos e hipnóticos dos Vampiros, dos Psyvamps e dos seres que usam a força psíquica.

Em nossos anteriores estudos mágicos e filosóficos manifestamos que o embruxamento científico não consentido pertencia ainda ao domínio das hipóteses. Mas depois, nossos próprios trabalho e procedimentos nos convenceram de que o enfeitiçamento psíquico é perfeitamente realizável.
O professor Durville admite no homem uma força análoga à do imã. Segundo este autor, o corpo humano está polarizado. Tal lei, combinada com a de Mesmer, que admitia a existência de um fluido especial denominado fluido magnético, pode originar uma terceira que desenvolvemos mais adiante.
Resumindo as três teorias, temos:
1º ) a emissão nervosa (ou fluido magnético);
2º ) a da polaridade do corpo humano;
3º ) a força psíquica.
Por conseguinte, empregando-se os passes (influência fluídica) sem esquecer as leis da polaridade humana, faz-se dormir a pessoa, os efeitos tornam-se muito superiores aos obtidos pelos mesmeristas, que nada sabem a respeito de tais leis. A influência magnética e a fluídica atuam conjuntamente e ambas emanam do operador para apoderar-se do magnetizador. Alem disso é preciso ter em conta que o fluido magnético pode atuar não só por suas propriedades fisiológicas, mas também pelas psíquicas. Com efeito, para que possa acontecer a transmissão de uma ideia, é necessário que os centros nervosos do paciente estejam saturados de fluido. Então o cérebro cessa de estar em comunicação com o grande simpático e o operador se apossa das células sensoriais e psicos sensoriais, que exercem a soberania do organismo cerebral.
As sugestões geradas na mente do magnetizador são recebidas pelas células nervosas da pessoa e só prevalecem nos primeiros estados da hipnose, quando o subconsciente fica à mercê do operador a quem as células obedecem com cega fidelidade. Numa palavra, durante as citadas fases hipnóticas, a porção subconsciente da pessoa fica sujeita, absolutamente, à vontade do operador. Mas nos estados profundos da hipnose (segunda fase do sonambulismo, o êxtase), a vida consciente do indivíduo recobra o mando sobre as idéias e as sugestões já não são possíveis. A porção consciente já se uniu à subconsciente. Neste caso aparece a exteriorização da sensibilidade de um modo completo e duplo fluídico (corpo psíquico, corpo astral, perispírito, aerossoma etc.) pode se reconstituir num outro plano.
Ao sair do corpo físico o duplo psíquicos sensorial fica ligado a ele por um prolongamento tão efetivo quando invisível. O ser irradia por todas as partes um fluido, ua aura que se toca os seres que a rodeiam, e sobre a qual cada um de nós se torna mais ou menos sensível. Não existe nenhuma ilusão ou exagero nisto que foi dito. A fotografia revela a existência de eflúvios que saem do corpo humano e que não podem ser atribuídos ao calor ou à eletricidade. Este fluido, matéria radiante ou agente magnético, não fica sob a percepção dos sentidos, porque sua tenuidade é tanta que escapa completamente às nossas sensações ordinárias. Só os sonâmbulos podem percebê-los.
Tratando de apoderar-se da parte subconsciente do sujeito (o que não é fácil em todas as ocasiões), o fluido do qual falamos intervém no fato. Gerador da sugestão, influencia previamente as células sensoriais e psicos sensorial do indivíduo, depois do que, projeta nelas o pensamento sugestionador.
Em vista disto deduziremos a existência dos três agentes que se seguem:
1º ) o magnetismo do sangue e dos nervos;
2º ) a emissão consciente e controlada de nossas forças nervosas;
3º ) um magnetismo superior.
Agentes que também podemos classificar assim:
1º ) polaridade humana ( ação, influência que uma pessoa exerce sobre a outra);
2º ) emissão nervosa (radiação do corpo humano, fluido magnético, indução da sugestão).
A uma certa distância do sujeito o operador dotado de um grande dinamismo fluídico (emissão nervosa) pode influenciar o paciente. Com efeito, sua força psíquica: recolhida pela corrente do fluido dinamizado, incorpora-se às células sensoriais e psicos sensoriais do indivíduo, que já influenciado segundo as leis da polaridade humana, torna-se pronto para receber a ação desta força psíquica. Portanto, a ideia que se incorpora às células sensoriais e psicos sensoriais é uma sugestão mental que Poe o sujeito à mercê do operador e por conseguinte é a base do enfeitiçamento psíquico.
Nada é mais certo do que isto e a experiência comprova plenamente a teoria. O operador que se faz dono das células sensoriais aniquila a parte consciente do sujeito. Por isso, colocando o sujeito em fase de inconsciência (toda a vez que existe a substituição de vontade e de pensamento) aquele pode abusar dos poderes adquiridos na medida dos seus desejos.


Continuando a trajetória dos primórdios textos sobre vampirismo psíquico, este texto abaixo que é de 1973 e explica um pouco os métodos utilizados pelo vampiro astral.

É um texto sobre a utilização da energia ( o volt) para contatar suas vitimas sem estar perto delas. Neste caso abaixo o texto usa como exemplo, os bonecos vodus.

É interessante observar que a maneira usada no texto abaixo proporciona não só a transferência de energia da vitima, mas também, a dominação.

O texto pede também alguns conhecimentos sobre hipnose.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------


Embruxamento –
Texto do livro “Dicionário de Ciências Ocultas” –1973
Coleção de Adriano Siqueira


Um autor francês moderno, em Porte du trait dês Ages, estuda o problema com notável acerto:
“O problema do embruxamento é, sem dúvida, o que mais intensamente impressiona o ser humano, e nada tem de especial que assim seja, quando se trata do embruxador que fere à distância sem medo de ser descoberto, ficando sua vítima impossibilitada de aparar os golpes mortais que recebe.
Com respeito ao embruxamento mágico descreverei sumariamente suas práticas já que são bastante conhecidas. O embruxamento científico, fundamentado nas investigações de sábios como A . de Rochas, será tratado com a devida extensão. Não vemos nele outra coisa além de puro hipnotismo.
Sobre a terceira espécie, o embruxamento psíquico, pedimos antecipadamente ao leitor sua mais benevolente acolhida para a nova teoria que exporemos. A prática nos demonstra por meio de rigorosas experiências que existe esta terceira forma de embruxamento.

O embruxamento mágico – Os progressos da fisiologia psicológica e o estudo dos fenômenos do hipnotismo permitem submeter a maior parte dos fatos de bruxaria ao domínio da histeria e das doenças nervosas.
Atualmente encontrou-se a relação existente entre as teorias dos magos de outros tempos e as práticas dos nossos hipnotizadores atuais. A ciência já aceita o que negava até a pouco tempo, mas domina o assunto de maneira diferente para classificar o fato em seu quadro de possibilidades científicas.
Eis aqui como se explica os fenômenos da bruxaria propriamente dita não se revestem hoje com os caracteres que antes a distinguiam.
Convém observar que existe algo nunca aniquilado pelos progressos científicos e que a ciência procura explicar agora por meio das descobertas do hipnotismo. Referimo-nos aos embruxamento, tal como foi praticado pelos necromânticos dos séculos passados, aludidos por Rochas em suas obras Crônicas de São Dionísio. Por isso vamos citar o sábio cabalista Stanilas de Guaita, que diz em um dos seus livros LE Temple de Satan:
O volt (em latim vultus, efígie) do embruxamento mágico é a figurinha modelada em cera, remedo da pessoa que se quer enfeitiçar. Quanto mais exata a semelhança, mais possibilidade de êxito possuirá o maléfico. Se na composição do volt o bruxo puder incluir algumas gotas de óleo, ou vinho consagrado para a missa, e fragmentos da hóstia juntamente com roeduras de unha, um dente, um pouco de cabelo da futura vitima, opina-se que está em posse dos requisitos mais completos para a realização do embruxamento. Se for possível obter da pessoa enfeitiçada algumas coisas de seu uso particular e diário, como roupas, será melhor, para vestir a figura de cera com maior exatidão. A tradição prescreve que se administrem à boneca fabricada todos os sacramentos que tenha recebido a pessoa escolhida: batismo, eucaristia, confirmação etc., devendo tudo ser reproduzido com fidelidade constante. Depois vem a cerimônia da execração que é feita crivando a figura com alfinetes envenenados enquanto o bruxo lança mil injurias contra a vitima.
Um sapo, ao qual se dá o nome da pessoa a ser atingida, pode substituir o boneco de cera, mas as cerimônias deprecatórias não variam. Segundo dizem, amarra-se o sapo vivo com os cabelos da vítima e enterra-se na casa do maleficado ou em qualquer outro lugar por onde tenha que passar todos os dias”.
De acordo com o descrito referente aos costumes de outros tempos, parece que o embruxamento propriamente dito não passa de uma invocação da pessoa que se quer enfeitiçar. Na confecção do volt, na administração de todos os sacramentos à figura da vitima, nas torturas a que o bruxo a submete, cheio de ódio, se exalta até chegas a exteriorizar-se para atuar à distância sobre sua vitima desgraçada. Mediante um processo no qual encontramos  os caracteres que distinguem os da telepatia.
Tal operação é pira cerimônia de magia negra o maleficador se exalta pela superexcitação da vontade e converte as forças psicológicas em arma homicida que nestes instantes projeta de si, à distancia. Quando à matéria empregada para a fabricação do volt, não é indiferente a sua escolha e poderemos ver nos manuais de bruxaria certos detalhes que evidenciam a relação existente entre o embruxamento mágico e as experiências de A, de Rochas. (Exteriorisation de la sensibilité, e outros livros).
A forma mais freqüente do volt é, com efeito, a figurinha de cera, e está substância é um excelente condensador do fluido astral, assim como a gelatina, a água, a lama, etc.
De Rochas serviu-se destas matérias repetidamente para condensar nelas o fluido astral, exteriorizado de seus sujeitos hipnóticos. Resumindo, podemos explicar o embruxamento da seguinte maneira: o bruxo, posto em relação telepática como a vitima, pode provocar nela uma saída do astral e condensar no volt o fluido exteriorizado.
Ou de outro modo: o bruxo, exteriorizando-se a si mesmo, adquire a faculdade de ferir à distância a pessoa que se quer enfeitiçar. Com a finalidade de estabelecer a relação telepática, os bruxos recolhem cabelos, dentes, roeduras de unhas dos indivíduos a quem querem danar magicamente.


 -------------------------------------------------------------------------------------------------------

DEFESA E ATAQUE AO VAMPIRO ASTRAL 
(VAMPIRO DE ENERGIA – VE- VAMPIRO DE ALMAS)
por Adriano Siqueira




A única maneira que se pode evitar ser consumido por um vampiro astral, é transformando-se também num vampiro. Desta maneira, uma corrente esta feita, e o que alguém lhe suga hoje você também sugara amanhã de outra pessoa. Não existe Bem ou Mal em tal atitude. Trocar energia é necessidade do Cosmo. Ser Veiculo - integrar-se por completo da cadeia que une todas as coisas - é um atributo e uma virtude. São consumidos pelos vampiros astrais apenas aqueles que procuram se esconder com medo. Quem foge deveria saber que sempre poderá ser alcançado. Todos os homens estão divididos apenas em duas categorias: os fracos e os fortes. Mas para cada homem mais forte que você, existe sempre um homem mais fraco que você, e você deve conhecer e ter relações com ambos. Assim, seu equilíbrio será sempre mantido. .



-------------------------------------------------------------------------------------------------------


A energia dos ataques não são sólidas, por isso o uso de material sólido para proteção as vezes é ineficiente.
Existe uma pedra com o nome de Cactonita. é uma pedra usada como talismã para proteger das más energias e ataques psíquicos. É difícil de encontrar. Eu mesmo só conheço por fotos.
As barreiras psíquicas são muito usadas neste caso. Existem exercícios básicos para deixar o corpo completamente protegido de qualquer ataque. o mais conhecido é o mirror mirror. que faz o VE sugar a sua própria energia pensando que está sugando a dos outros. 
Como o cérebro humano não reconhece mentalmente a energia ela trabalha apenas usando material sólido. A projeção de uma parede psíquica deve ser construída usando matérias que o cérebro conhece bem "o material sólido" porém deve ser construído como uma barreira mental.
A prática de uso de uma energia baseando-se em materiais concretos é correta mesmo. Nosso pequeno cérebro é lento em aprimoramentos da energia. E como a convivência humana é 80% da nossa vida sendo os outros 20% apenas destinados ao convívio com animais e exercícios básicos de relaxamento. Nada melhor do que abraçar o que conhecemos,  para mais tarde transformá-la em forma de defesa.
A prática dos usos de materiais para se focalizar a nossa energia para transformá-la em confiança e fé já vem de tempos passados. Eram assim criados os deuses nas pedras, os símbolos, os pentagramas e o tetragrammaton. Mesmo as figas e patas de coelhos são instrumentos que até hoje tem a sua importância.

Mas é comum direcionarmos a nossa energia em algo neutro. Até hoje temos o famoso "Ponto de referência" que algumas mulheres usam no parto. Elas se concentram em algum material concreto em cima de uma mesa para canalizar a dor para aquele objeto em questão e este direcionamento sempre ajuda a diminuir a dor.
Muito ainda se pode fazer com a auto-hipnose. Pode-se transferir o nosso endereço energético (todo mundo tem um nível de energia diferenciada) para um simples anel e caso alguém queira prejudicá-lo a energia negativa vai para o anel. Enganando o ameaçador.
A energia é diferente de cada um e por vezes conhecemos o atacante pela energia que ele tem.
Essa energia é geralmente detectada pelas cores e em alguns textos que tenho aqui pode também ser detectada pelo cheiro. Isso mesmo. A energia tem cheiro e dependendo do ataque pode causar náuseas e vômitos. como vazamento de gás de cozinha.
Algo que é importante esclarecer é que não precisa olhar para ninguém para sugar a energia ou mesmo para atacar.
Deve-se entender que OLHA, CHEIRAR e OUVIR, são artifícios puramente naturais dos seres vivos. Para quem desenvolve os poderes e compreensão de uma energia vampírica, não precisa usar mais esses artifícios. 
O conhecimento é está tão vasto que o cérebro já conhece a energia e pode doutriná-la da forma que achar melhor. É quando você não precisa se prender a estes artifícios materiais puramente humano para usar energia.
É quando você não precisa mais olhar para ver. A sua mente vê a energia sem os olhos. 
VER e SENTIR tem um significado muito diferente para quem procura maior conhecimento na energia. Seus métodos para ver a energia, pode não ser o mesmo que sentir ou se alimentar dela. O procedimento é lento até que realmente sinta a energia fluir em seu corpo.

Devemos sempre conhecer muito a nossa própria energia. Ela tem o seu próprio “endereço” é como o DNA. Por isso quanto maior o conhecimento da sua energia, maior será a percepção de uma nova energia.
A adrenalina pode alterar a energia por isso quando fizer muito esforço para sugar uma energia deve-se ter cuidado para não achar que a sua energia alterada pela adrenalina seja outra energia. Por isso evite esforços físicos quando estiver analisando a energia dos outros. Exige muita concentração no começo mas, com muito treinamento sentirá facilmente as energias sendo sugadas sem muita dificuldades.
------------------------------------------------------------------------------------------------------




quinta-feira, 22 de maio de 2014

22 de maio - Hoje é Dia do abraço :-)

Um grande abraço para todos vocês meus amigos. :-)

quarta-feira, 21 de maio de 2014

Livro A Maldição do Cavaleiro em promoção no Submarino


O meu livro "A Maldição do Cavaleiro" está em promoção no Submarino. http://www.submarino.com.br/produto/7936261/livro-a-maldicao-do-cavaleiro




garanta o seu \o/
abraços
Adriano Siqueira




Um convite à escrita



Vampire Secrets - Um convite à escrita - um personagem convidando o escritor a escrever....

Quer mesmo sentir meu abraço
com o vento frio desta noite?

Quer mesmo sentir meus beijos
com o sabor do meu sangue?

Então segure a minha mão
e olhe para os meus olhos.
Verá um mundo a ser descoberto,
Um homem a ser desvendado.
um ritual a ser seguido.
um amor revelado.

Liberte o seu sangue coagulado,
amordaçado, acorrentado,
que está gritando dentro de você
e implorando para sair.

Escreva sem sentido
deixe seu coração te guiar,
deixe o desejo fluir em sua mente.
Deixe seu corpo escrever em forma de dança
os seus mais audaciosos e secretos desejos.

E no seu desespero em contar,
deixe-me então, guiá-la,
e assim escreveremos juntos,
nossos tormentos, paixões e desejos
em milhares de toques, desfoques sem retoques.

Mostre-me a verdadeira vontade que está
sufocada e esquecida dentro você.
Mostre-me a sua alma, sua essência!
Dispa-se completamente e
deixe-me ler
através dos meus olhos penetrantes,
através das minhas mãos e
da minha boca...

Que pede sempre mais
do seu sangue,
do seu corpo
e da sua alma.

Por Lord Dri


segunda-feira, 19 de maio de 2014

Vampiros e suas primeiras histórias



O QUE É UM VAMPIRO
substantivo masculino
ente imaginário que sai de noite da sepultura para sugar o sangue das pessoas, sobretudo crianças;

ZOOLOGIA
nome vulgar extensivo a alguns morcegos, em especial aos verdadeiros hematófagos da América tropical que sugam o sangue de alguns animais (incluindo o homem adormecido), e que são também acusados de transmitir ao gado a raiva bovina;

Popular:
morcego de grande porte;

Figurado:
pessoa que se locupleta à custa de outra;

(Do sérvio upir, «sanguessuga», pelo fr. vampire, «id.»

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------

vam.pi.ris.mo sm (vampiro+ ismo)
1 Crença nos vampiros.
2 Estragos dos vampiros.
3 Avidez excessiva.
4 Qualidade de vampiro.
5 Atitude própria de vamp.

conforme Michaellis

----------------------------------------------------------------------------------------------------------

NA LITERATURA

Bram Stoker foi o escritor que divulgou para o mundo a lenda sobre vampiros. Mas ele não foi o primeiro a escrever sobre este tema.
John Polidori escreveu a história chamada "The Vampire". Ela foi publicada em abril de 1819 na revista New Monthly Magazine. (por isso acho importante que os escritores brasileiros tenham seus contos publicados em revistas e jornais. Isso conta muito.) E teve James Malcolm Rymer – “Varney the Vampire” 1847 e algum tempo depois "Carmilla" de Sheridan Le Fanu, publicado pela primeira vez em 1872 e finalmente Bram Stoker escreveu o livro "Drácula" em 1897.

O primeiro filme baseado no livro "Drácula" foi Nosferatu, 1922 mas a viúva Florence Stoker processou a produtora por ser um plágio da obra de Stoker. Ela ganhou e todas as copias deste filme seriam queimadas. Por sorte isso não ocorreu e por isso, ainda hoje, podemos assistir o filme "Nosferatu". Mas será que este filme foi mesmo o primeiro?

Uma recente descoberta de Lokke Heiss, um pesquisador disse à Reuters em junho de 2003 descobriu que o primeiro filme de vampiros feito na Hungria, em 1921, meses antes de Nosferatu.

Seja como for. Florence Stoker só processou o Nosferatu e autorizou uma Produtora a fazer o filme "Drácula" de 1931 com o ator Bela Lugosi. Este filme trouxe muitos detalhes vampirescos que até hoje existem nos filmes de vampiros. O Castelo, A hipnose, um cavaleiro sedutor, as transformações e as roupas.

Dormir no caixão também era um artigo importante para os filmes de vampiros. Hoje, por causa deste medo dos vampiros foram criados equipamentos tecnológicos. Agora existem câmeras de vigilância até em caixões. para observar os falecidos. O medo destas antigas lendas é um dos grandes motivos para que algumas pessoas utilizem essa nova tecnologia.

Se essa tecnologia existisse no tempo do Van Helsing, ele não usaria um cavalo branco para caçar túmulos de vampiros.


sexta-feira, 16 de maio de 2014

Os Vampiros



VAMPIROS

Os vampiros produziram o mais extenso terror, durante muitos anos, nos povoados da Escandinava, Dinamarca, Alemanha, Áustria, Rússia e Polônia. Particularmente durante o século 18, observa-se um recrudescimento destas idéias no Norte e Centro da Europa. O vampirismo é coisa muito antiga no território hindu e outras partes do mundo asiático. Na ilha de Ceilão, acredita-se desde épocas remotas que os mortos abandonam o sepulcro e aparecem para produzir sustos e danos, e para chupar o sangue das pessoas. Para evitá-lo, era preciso desenterrar o cadáver do vampiro, cortar sua cabeça, arrancar seu coração, e queimá-los, juntamente com as outras partes, em grande solenidade. As vitimas do vampirismo, segundo as crenças, também se transformavam em vampiros.

Fonte: Dicionário de ciências ocultas - 1973

----------------------------------------------------------------------------------------------------

O SIMBOLISMO CATÓLICO

A cruz e a água benta e outros simbolismos católicos foram colocados como objetos para defesas contra vampiros. Tudo isso por causa do forte poder que a igreja exercia na época. E ainda é assim. Pois é a unica religião do mundo a ter o seu próprio país.
Lembro das histórias sobre a descoberta das Américas ao qual as embarcações sempre levavam a bordo um padre ou um bispo para catequizar os habitantes que ainda não conheciam o catolicismo. Claro que muitos não quiseram mudar de religião e foram mortos, afinal, a conquista por mais fieis era muito importante. A água também é forte simbolismo para conter um vampiro já que é muito usada por várias religiões como batismo e até mesmo exorcismo. Diz a lenda que se o vampiro colocar no seu sapato um pouco de terra da sua terra natal poderia até andar sobre a água. Outra coisa que aparece na maioria dos livros é a transformação em morcegos. Bom... As únicas espécies de morcegos que chupam sangue Os Rotundos. estão na America do Sul.


-----------------------------------------------------------------------------------------------------------
DNA, VÍRUS E VAMPIROS

Vírus de vampiros (se existissem) certamente acabariam com as defesas do corpo humano por se alimentar dos glóbulos vermelhos. A ciência tem uma vasta linha de descobertas. Muitas que subjugam as próprias leis. Certamente com a ajuda da genética teremos no futuro, não muito distante, a possibilidade de fundir nosso DNA com o dos animais. Os morcegos seriam úteis para a era espacial. Já que não existe a necessidade de termos as pernas tão longas sem a gravidade e precisaríamos de asas para ter melhor desempenho nas manobras. Com todos os nutrientes transformados em líquidos, nossos dentes não precisarão ter tanta força. Apenas alguns pontiagudos para furar embalagens. Esses são os Vampiros de laboratório.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------

O Poder do Crucifixo nos Vampiros

O crucifixo é uma arma indispensável ao exorcista e a todos aqueles que querem proteger-se dos assaltos do vampiro.
Esta bênção  pode ser feita sobre um crucifixo de exorcismo ou para ser colocado em casa, ou, ainda, para ser levado no pescoço, numa correntinha, como era visto nos filmes de terror da produtora Hammer e no livro do Drácula do Bram Stoker.
Não é necessário que este símbolo sagrado seja vistoso, ou precioso. Um crucifixo ritual tem que ter , 15 x 20 centímetros e muitos exorcistas o fabricam eles próprios, de maneira extremamente simples: de fato, trata-se de dispor de um símbolo cuja origem se perde na noite dos tempos, e não de uma obra de arte ou de uma jóia na moda.
Procede-se à bênção de acordo com as normas habituais (aspersão da água, círio e incensos acesos). A orientação para o Leste, porque, lembremo-lo, o Oriente indica a direção do Paraíso, o lugar de onde virá o Cristo; o Ocidente, ao contrário, é o antro dos demônios.
O exorcista naturalmente, pode abençoar qualquer crucifixo, para os seus pacientes, que o guardarão em casa com a devida devoção.

Diferente do que algumas pessoas pensam, o vampiro não precisa ser exclusivamente de uma doutrina católica para sucumbir aos efeitos da bênção da cruz. A doutrina sobre o crucifixo está além das religiões ortodoxas. Seu formato simboliza o sacrifício de um homem pela humanidade que passou por muito sofrimento, tortura e dor. O vampiro abomina qualquer tipo de sacrifício para salvar as pessoas e os seres viventes, e isso  tornou o crucifixo uma simbologia de negação ao mal. Quando o vampiro ou qualquer ser disposto a servir o vampirismo vê a vitima usando um crucifixo. Ela saberá imediatamente, que a sua alma jamais se renderá aos seus poderes. A vitima está doutrinada a ser dona da sua própria alma para proteger o seu corpo e a humanidade que existe no seu ser.

O crucifixo não funciona nos vampiros modernos.

Os vampiros modernos usam o crucifixo. Está utilização simboliza a sua ligação com a sociedade de sangue quente com a natureza e o sobrenatural, colocando-se em equilíbrio com o bem e o mal e liberando-se das congregações ortodoxas existentes.
Era de se esperar que estes seres sobrenaturais tornassem seres pensantes para poderem se embrenhar nos costumes humanos e assim, facilitar a conquista do seu alimento. Porém para fazê-lo, estes vampiros modernos renegaram alguns dos seus poderes e por vezes as suas características tornaram-se  praticamente humanas, sobrando apenas alguns poderes relacionados à mente utilizados para a doutrinação das vitimas.
Os vampiros descobriram ao longo dos séculos que alguns dos seus poderes não eram necessários para continuar a sua sobrevivência. Nas lendas, os vampiros têm os poderes de mudar o clima, comandar os ventos e as tempestades. comandar os animais noturnos, ter vida eterna, transformar em névoa ou qualquer animal noturno, subjugar suas vitimas, voar e ter a força de mais de dez homens.

No mundo moderno alguns desses poderes assustariam uma população inteira e causariam pânico e destruição.  Seus poderes o denunciariam como o anticristo. Certamente ele seria combatido e destruído, sem qualquer chance de se aproximar da humanidade. Eles o isolariam, dissecariam e o manteriam preso por milênios.

Fontes:
Guia do exorcismo – Franco Spinardi
CALMET – Dissertations sur lês apparitions dês ange, dês demons, et des esprits, et sur les Revenantis et Vampires de Hongrie, de Bohème, de Moravie et de Silesie. Par lê R.P. Dom Augustin Calmet, Paris 1746.



Combatendo os Lendários Vampiros

As lendas de vampiros existem no mundo todo. Cada qual com sua própria forma de exterminar os vampiros. A água corrente destrói vampiros, Espinhos ferem os vampiros, a luz ultravioleta também é mortal. O filme que eu vi que tem mais tecnologias para matar vampiros é o Blade. No filme Os Garotos perdidos, as armas de água benta feita com revolver d'água foi uma engenhosidade. A banheira cheia de água benta e alho foi uma idéia bem criativa. Gostei do filme "Vampiros" de John Carpenter pela maneira como ele usa uma besta para arrastar os vampiros para a luz do dia. Torturante é a cena do Entrevista com o vampiro vendo a Cláudia e sua madrasta sendo queimadas no poço pela luz do Sol. Arrancar o coração também funciona. Assim mostrou o filme A rainha dos condenados, aliás, na cena o coração arrancado fica batendo (coração de Vampiro bate???) Um filme curioso que vi "O banquete com o vampiro" o vampiro é imune a tudo isso (dá pra acreditar). O danado do morcegão foi esperto e colocou seu coração em um filme velho. Só destruindo o filme pra ele morrer. Batman já é mais cruel. Na maioria dos gibis que li o Mascarado gosta de cortar as cabeças dos vampiros.

Na maioria dos filmes de vampiros a cruz simboliza a fé em cristo, a fé no salvador e também a fé em derrotar o Vampiro. Foi através desta fé que Peter Vincent se deu bem enfrentando os vampiros Marcando a testa de um deles. Peter Cushing que fez o papel de Van Helsing nos anos 60 também teve sua carreira carregada de cruzes.

Nunca convide um vampiro para entrar na sua casa. Há uma lei metafísica (entenda-se Karma) que torna impossível para um vampiro entrar na residência de um humano sem ser convidado. O Karma parece afetar os vampiros nestes casos.Os Fatos são relacionados por causa da crença dos Lobisomens que também não podem invadir as casas por serem criaturas sobrenaturais. O karma deles vem de famílias. Assim são as lendas, até aqui no Brasil. Muitas casas no interior de São Paulo ficam com arranhões na porta. Por este motivo acredito que os vampiros também não possam entrar por se tratar de criaturas sobrenaturais. Os fantasmas, no entanto, geralmente são moradores da casa. por isso eles não precisam ser convidados para assustar.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------


A TRANSFORMAÇÃO DO VAMPIROS

Os lendários vampiros não se transformam só em morcegos. Eles também se transformam em lobos, ratos e em alguns lugares do planeta, em cobras e corujas. Um ser sobrenatural pode usar as formas de animais (neste caso apenas noturnos) Ele também tem domínio por esses animais. pode comandar exercito de lobos e ratos para ajudar em sua fuga ou mesmo para proteger seu lar.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------

HIPNOSE

O fato de ver um vampiro já é um hipnotismo sendo ele um ser sobrenatural de forma diversas, para a aproximação ele deve convencê-lo de forma hipnótica que sua aparência é das melhores dos homens. Sem o hipnotismo não veríamos os vampiros em sonhos ou mesmo não poderíamos ouvir a sua voz já que utilizam também a hipnose pela auto-sugestão. A hipnose funciona apenas se a pessoa hipnotizada quer ser realmente hipnotizada. por exemplo. toda a vez que alguém olhar o relógio as 01:50hs ou as 22:50hs vera a forma de um morcego com asas abertas. A hipnose e a auto-sugestão pode fazer com que a vitima convide o vampiro para sua casa.

 ---------------------------------------------------------------------------------------------------------

AS LENDAS

Existem lendas, onde o vampiro pode mesmo andar de dia. A lenda mais conhecida só pode andar durante a noite. Uma criatura sobrenatural não teria os mesmos poderes de dia. A luz solar é nociva a qualquer criatura sobrenatural, pois contém a química para criar a vida terrestre. Não só vampiros, mas lobisomens e algumas lendas brasileiras são frágeis a luz. O vampiro pode dominar o tempo. Criando tempestades para esconder a luz do sol. Pode também provocar maremotos. A chuva não faz mal nenhum para vampiros. Porém quando em contato com a terra a água corrente seria prejudicial para o vampiro. Para o vampiro se proteger dos males da água corrente ele colocava um pouco de solo nativo dentro do solado oco de um sapato. Assim poderia caminhar sobre a água corrente. A lenda da água corrente é conhecida por causa do agente de limpeza, purificação e batismo em várias religiões. O Transporte no espaço é usado através de outro artifício sobrenatural. A névoa. Que pode levar o vampiro a adentrar em vários lugares.Em um dos episódios do seriado Jornada nas Estrelas chamado "Obsessão" O capitão Kirk tenta derrotar um vampiro que se alimenta de glóbulos vermelhos do sangue.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------

A MODA VAMPÍRICA

Não use capas, mas você pode usar sobretudo preto. Você pode colocar mexas vermelhas no cabelo ou mesmo pintar o cabelo de vermelho. Use esmaltes escuros usando apenas um risco de branco ou vermelho nas unhas. No pescoço desenhe dois furinhos usando lápis vermelho e preto. Você pode usar um lenço para cobrir esse desenho e mostrar para os mais íntimos da festa. Botas é bem legal, mas pode usar coturno mesmo. É sempre bom usar algo que tenha vampiros. bolsa, lenço anéis etc. Se for usar um cristal use um que tenha a tonalidade de vermelho. É opcional colocar pó branco na cara. Afinal, vampiro não toma sol.

---------------------------------------------------------------------------------------------------------

quinta-feira, 15 de maio de 2014

“V” de Vampiro e de Vitória



Aquelas noites onde tudo sai errado...
Aqueles momentos onde vocês perdem
muitas oportunidades na tentativa
de conquistar algo novo.
Ficam revoltados por não alcançarem
seus objetivos.

Vampiros também passam por isso.
Os nossos objetivos não são alcançados
sem esforços, sem luta.
Mas não importa quantas vezes
somos derrotados.
O que importa é não sermos derrotados
por dentro.

Tudo pode se destruir ao nosso lado.
Podemos perder o nosso castelo,
nosso melhor vinho,
nosso lugar para dormir.
Mas, não podemos nos perder.

Precisamos da nossa energia,
do nosso corpo e mente para prosseguir.
Dependemos do nosso poder interior para
batalhar, guerrilhar e lutar.

Só assim obteremos nossa vitória,
nosso sucesso.
Somos vampiros! Somos imortais.

Por Lord Dri

quarta-feira, 14 de maio de 2014

DESEJO DE UM VAMPIRO


Me dê compreensão,
para que um dia
eu descifre suas palavras.
Desejo também um minuto,
ou dois para apenas te olhar.
Como se não fosse o suficiente
desejo que me salve dos meus vicios
para poder viver mais e te conhecer mais.
e, de todos os desejos loucos que tenho,
que um deles seja ouvir...
Que me deseja.


por Lord Dri

segunda-feira, 12 de maio de 2014

Vamp_eros - a Paixão Entre Vampiros e Mortais - Luiz Roberto Guedes

Lançamento -

Vamp_eros - a Paixão Entre Vampiros e Mortais - Luiz Roberto Guedes


clique na imagem para aumentar.

Organização: Luiz Roberto Guedes
Ilustrações: Paulo Sayeg
Autores: Adrienne MyrtesDeborah K. GoldembergDonny CorreiaDóris FleuryFabíola MouraLaura EliasLuiz Roberto GuedesMarcelo Carneiro da CunhaPaulo FodraSandra GinezSérgio FantiniUlisses Tavares.
Lazúli Editora, 176 páginas



VAMP_EROSA Paixão Entre Vampiros e Mortais
Contos — Organização de Luiz Roberto Guedes
Ilustrações de Paulo Sayeg
(Editora Lazuli, 2014)
RELEASE
========================================================

Antologia mescla vampirismo e erotismo

Vamp_Eros busca injetar sangue novo no mito do vampiro

     O vampirismo é um subgênero da literatura fantástica que rende sempre novas sagas literárias, como as de Anne Rice e Stephenie Meyer, ou séries de TV como Vampire Diaries e True Blood. No Brasil, o gênero também conta com cultores muito ativos como André Vianco, Kizzy Isatis, Martha Argel e Giulia Moon, para citar uns poucos. O poeta e escritor Luiz Roberto Guedes, que também transita pelo gênero fantástico, com vários livros juvenis, organiza esta antologia de contos — Vamp_Eros, A Paixão Entre Vampiros e Mortais (Editora Lazuli) com 12 narrativas que primam pelo enfoque erótico. Além de autores veteranos como Ulisses Tavares, Sérgio Fantini, Marcelo Carneiro da Cunha e o próprio antologista, o livro traz novos talentos como Paulo Fodra, Deborah K. Goldemberg, Fabíola Moura, Adrienne Myrtes, Dóris Fleury, Donny Correia, Laura Elias e Sandra Ginez A voo de morcego, vale destacar os contos de Dóris Fleury, sobre um encontro de vampiristas na Zona Leste de São Paulo, o súcubo recriado por Paulo Fodra em A bruxa dos cabelos de fogo, a invasão vampírica da metrópole paulistana em Campo de caça, de Laura Elias, a agente secreta israelense que caça “nazivampiros” no interior de Santa Catarina, em Kupleng, do próprio Guedes, e ainda o nosferatu de Ulisses Tavares, que procura um escritor profissional para narrar sua biografia autorizada.
      Esta orgia vampírica foi certamente um divertissement para os contistas, e será um frisson garantido para os aficionados do gênero.


Lançamento: dia 13 de maio de 2014,
na Livraria Martins Fontes, Avenida Paulista, 509,
 Tel. (11) 2167 9900

das 18h30 às 21h30

assistam o book trailer: 


Vampira



VAMPIRA

O fim de uma vida serva
Laço humano separado
A tempestade agora me cerca
Sou fogo,vento e Veneno enjaulado!
Delirios desejos,
suspiros carnais.
Faca de dois lados.
Morro enquanto mato.
Mato de Lírios e Delirios.
Sou Jovem,
Sou Vampira

Por Lord Dri

quinta-feira, 8 de maio de 2014

Em terra de escritor, leitor é rei



Com a Bienal do Livro* chegando em São Paulo no mês de agosto, já vejo nas Redes Sociais muitos avisos e chamadas para os lançamentos dos escritores de Literatura Fantástica nos eventos deste ano.

Difícil mesmo alcançar todos os leitores para avisar das novidades. Tanto da Bienal como também os lançamentos em outros eventos.

Eu divulgo muito os trabalhos de escritores nacionais. Sei bem a dificuldade que é tentar mostrar todas as novidades para o leitor. Mas eu faço o que posso.

Nestes anos eu criei muitos grupos que divulgam a literatura em geral para ajudar o leitor a encontrar novidades sobre lançamentos e eventos.

Convido vocês então a conhecerem mais sobre estas divulgações e informações.

Entre nos links abaixo e cadastre-se,

LITERATOPEIA
https://www.facebook.com/pages/Literatopeia/436414369771943?fref=ts

ADORÁVEL NOITE - GRUPO FACEBOOK
https://www.facebook.com/groups/184469604470/?fref=ts

ADORÁVEL NOITE - PÁGINA FACEBOOK
https://www.facebook.com/pages/Adoravel-Noite/170914879624002?fref=ts

No Twitter
@Literatopeia

@Adoravel_Noite

Assim você terá mais uma fonte de informação sobre livros, escritores, lançamentos e eventos.


Abraços e agradeço muito a sua visita neste blog.
Adriano Siqueira
https://www.facebook.com/adriano.siqueira?fref=ts







MULHER VAMPIRA



Mostra-me tuas faces,
numerosas, mas únicas.
Mostra-me tuas palavras certas,
sempre metódicas e
que, as vezes corta, as vezes cura.
Mas segura a calma que explora a alma
dos amantes da arte, da leitura
que explode com bravura,
sua textura de mulher impressionante.

Mulher do futuro que faz do passado
um eterno presente.

By Lord Dri

quarta-feira, 7 de maio de 2014

Observamp


Vejo você passar todos os dias por esta rua.
Sigo seu caminhar com meus olhos atentos.
Já pensei em ir até você. Dizer algo...
mas sei que isso estragaria esta magia.
Sou seu admirador sem que você saiba.
Talvez um dia, convidarei você a conhecer meu mundo.
Mas por enquanto
Me alimento da sua presença
do seu encanto.

By Lord Dri

Vida de escritor - por Adriano Siqueira




- Íris, passava a noite escrevendo os contos de terror em sua mesinha do quarto.
O Fogo da vela que estava na mesa, dançava com o vento que vinha da janela.
A tinta acabou. O vento ficou mais forte, A janela começava a bater. Íris faz o sinal da cruz e anda pela casa.
Encontra seu marido jogado ao chão com um machado enfiado nas costas.
Íris olha por algum tempo e preocupada vai até o corpo.
Ela o examina, e quanto mais mexe no corpo mais vai ficando preocupada. Até que finalmente encontra uma pequena poça de sangue.
Respirando aliviada ela pega a sua caneta tinteiro e a carrega com o sangue do seu marido.
Ela sorri, dá um beijo no rosto dele e volta para sua mesinha para continuar os seus contos de terror.

Vida de escritor...

Banner deste blog

Banner deste blog
Contos de Vampiros e Terror

  ©CONTOS DE VAMPIROS - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo