O Sangue dos Vampiros - clique aqui

O Sangue dos Vampiros - clique aqui
conheça mais sobre o livro O Sangue dos Vampiros - 2017

Livro Luar de Sangue da autora Dione M. S. Rosa

Livro Luar de Sangue da autora Dione M. S. Rosa
Livro que pode ser adquirido diretamente com a autora - clique no banner para conhecer o blog da autora.

domingo, 1 de março de 2015

Eu prevejo muito Sangue e Desespero



Eu prevejo muito Sangue e Desespero


 Alô! Aqui é a Vidente Bedete.
 Veja seu consegue entender o meu problema.
 Eu Não faço consultas por telefone.
 Você não está entendendo. O seu filho corre grande risco de vida.
 M-mas quem está falando? Meu filho está na escola.
 Meu nome é Neculai. Ele está seguro por enquanto. No entanto gostaria muito que entendesse o meu problema.
 Eu não sei quem você é mas saiba que vou processá-lo.
 É só algo que me incomodou muito. Faz uma semana eu liguei para alguém. Gosto de causar um certo desespero e eu fiquei muito sem jeito quando vi que a pessoa que liguei estava deprimida demais para ficar desesperada e depois de uma boa conversa ela disse que foi culpa sua.
 Mas quem é essa pessoa.
 É a Arlete. Ela foi abordada por você em uma rua. Ela disse que você encostou o carro ao lado dela e disse que tinha uma energia muito negativa rodeando ela.
 Saiba que não vou devolver o dinheiro de ninguém! E eu quero saber onde está meu filho!
 Deixe-me terminar a história... A Arlete tinha um problema com a mãe dela. Uma doença que não conseguia curar. Você disse que iria mudar este futuro e a cada dia pedia mais e mais dinheiro. Até que a mãe dela morreu.
 Eu quero saber onde está meu filho.
 Você... você gosta disso né? Interromper a história dos outros. Eu nem terminei de falar. Você nem percebeu que o barzinho em que você está não tem mais ninguém, fecharam as portas e só deixaram a TV ligada.
 Eu quero sair daqui! Está tudo fechado! Cadê meu filho?
 Agora sim estamos nos entendendo bem. A questão é que fiquei muito chateado por não ter conseguido me satisfazer com a Arlete e ela gentilmente me deu seu celular. Me diz uma coisa? Pode ver a TV ligada? Consegue ver?...
 Mas o que tem a TV com essa história absurda? Eu... Meu filho! Estou vendo meu filho na TV.
 Sim Ele está lá ao vivo. Um oferecimento do programa Neculai.
 O que ele está fazendo lá?
 Eu vou explicar. Na verdade é bem simples. Se dificultei algo me perdoe. Acontece que seu filho está amarrado e com uma venda nos olhos e na frente dele tem uma mesa retangular com 6 metros de distância de uma ponta a outra. Ele está sentado esperando saber em qual posição a cadeira vai ficar na mesa, se vai ficar do lado esquerdo ou direito da mesa. Mas se você ver bem de perto, em cima. Está é a parte mais adorável. Tem um lustre que está balançando na direção das pontas da mesa. Ele pesa, digamos, 150 quilos, tem vinte lampadas e é feito de cristal. É todo confeccionado em bronze dourado. Uma peça muito rara e deve custar muito. Bom. Não é este o caso. O caso é que ele está pendurado. Balançando de um lado para o outro. Certamente ele vai cair.
 Seu monstro! Tira o meu filho de lá agora mesmo! Seu maniaco! Doente! Psicopata!
 Ah. sim... Eu não posso, Não mesmo, Tirar ele de lá. Mas você pode salvá-lo. Como diziam as propagandas dos bancos quando falam de poupança, "O futuro do seu filho depende de você." Agora depende mesmo.
 Mas o que eu faço? Seu louco! Eu vou mandar você para cadeia!
 Com o seu poder de prever o futuro Você só tem que dizer em qual das pontas da mesa o lustre vai cair. Assim colocamos seu filho na ponta segura e tudo vai terminar bem.
 Mas isso é impossível!
 Então vai ter que depender da sorte.
 Mas o que fez? A TV perdeu o sinal!
 Sim! Isso deixa as coisas mais emocionantes. Você não vai poder ver o que vai acontecer com a sua escolha.
 Eu não vou escolher nada! Salve meu filho! Eu faço qualquer coisa.
 Se não escolher nada eu mato você seu filho e depois vou em uma balada noturna dançar até amanhecer. Seja Rápida!
 Na ponta da esquerda.
 Começou a grande jogada! O lustre está quase se soltando. O será que o garoto vai sobreviver? Será que mesmo escolhendo o lado certo os destroços poderão queimá-lo e cegá-lo. Vamos Esperar o grande momento...
 Não Não! Por favor tire meu filho de lá. Ele só tem onze anos! Não merece isso!
 Isso é verdade Bedete, mas também ninguém merece entrar na nossa vida e explorar o que é nosso. E você escondeu seu filho por muito tempo.
 Como Você apareceu? De onde veio? Não N...arghhhhh!
 É por isso que meu fã clube só aumenta Bedete. Meu estilo. Meu jeito diplomático de acertar as coisas. Hum... seu sangue... Seu desespero. O gosto maravilhoso. Estou sentindo ele em minha boca descendo lentamente pela minha garganta. Um sabor inesquecível. Envolvente. Parece até aqueles anúncios de sorvete. Não se preocupe com seu filho. Ele agora fará parte do meu Legado. Ele está bem. O imagem que viu da sala na TV era virtual. Porém, se fosse real, a sua escolha teria matado seu filho. 

...

─ Alô Deise. Tudo deu certo. Fez um bom trabalho.
─ Aos seus serviços sempre Neculai. Alguns amigos que editavam meus vídeos de maquiagem para internet me ajudaram a fazer os efeitos especias para realizar seu perfeito plano. Perfeito como você.
─ E o garoto?
─ Está na sala.
─ Deixe o celular ai. junto com a roupa que pedi para comprar. Assim que eu me arrumar vou para a sala falar com ele.
─ Sim! Como quiser querido.

---

─ Olá garoto!
─ Você é o Neculai
─ É como me chamam. E qual é o seu nome? 
─ Evandro. Você matou minha mãe?
─ Ela pediu por isso.
─ Estou livre? 
─ Sim está. Sua mãe aprisionou você por muito tempo. Quero que você more aqui. A Deise comprou está casa para as pessoas que estão do meu lado . 
─ Como sabe que se estou do seu lado?
─ Porque você é inteligente e tem um certo poder "intuitivo". 
─ Então você sabe.
─  Claro! Sua mãe escondia você. Seria ruim para os negócios dela se você desse as premonições exatas. 
─ Eu não tenho culpa. É uma maldição.
─ Terá tudo aqui. Vai voltar para a escola e estudar muito. Qualquer coisa que precisar fale com a Deise. 
─ Mesmo que os seus resultados sejam positivos... O que você faz é errado Neculai. 
 Neste mundo o que importa, realmente importa, é ser famoso. É ter o seu nome em livros. Entrar para a história. O caminho para isso sempre será sujo e repleto de sangue e desespero. 
─ Mas por que eu? 
─ Muitos reis tinham pessoas como você ao seu lado. Eu preciso de você Evandro. Aceite rapaz. Vai adorar esta vida. 
─ É um convite tentador Neculai. 
─ A guerra está cheia de batalhas que teremos que vencer todas, todos os dias. Evandro. Eu não sou como alguns ditadores que só queriam dominar o mundo. Quero libertá-lo e muita gente será contra isso. São pessoas que só pensam em sua riqueza e seu conforto. Elas farão de tudo para me impedir.
─ Parece que eu terei uma vida bem agitada Neculai.
─ Por falar em vida Evandro, o que vê quando olha para mim?
─ Faz tempo que não faço isso... Eu...
─ Relaxe rapaz. Deixe a sua alma me ver.
─ Eu... 
─ Sim Evandro.
─ Eu só vejo Sangue e Desespero.

─ Bem-vindo ao meu legado Evandro.


Por Adriano Siqueira

Postar um comentário

Banner deste blog

Banner deste blog
Contos de Vampiros e Terror

  ©CONTOS DE VAMPIROS - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo