O Sangue dos Vampiros - clique aqui

O Sangue dos Vampiros - clique aqui
conheça mais sobre o livro O Sangue dos Vampiros - 2017

Livro Luar de Sangue da autora Dione M. S. Rosa

Livro Luar de Sangue da autora Dione M. S. Rosa
Livro que pode ser adquirido diretamente com a autora - clique no banner para conhecer o blog da autora.

segunda-feira, 6 de abril de 2015

O céu, o inferno e o Desespero



O Céu, O inferno e o Desespero
O Vampiro Neculai reúne o céu e o inferno para uma aliança sedutora e macabra 

– Alô Neculai! Elas já chegaram em seu escritório. 
– Deixe meu terno junto com o celular Deise. Vou aparecer em seguida. Você deve ser retirar. A conversa pode não ser tão animada.
– Elas não estão felizes Neculai. Tome cuidado meu querido vampiro.

...

– Mas que prazer ver vocês duas juntas  Lucrétia a própria voz do inferno que deixa muitos sentindo o calor de suas palavras apimentadas e cheio de verdades ardentes e Ariella A toda poderosa do céu que está divina sem ou diria que é a própria divindade.
– Vai morrer Neculai! Aproveite bem o seu minusculo tempo.
– Ariella? Falar assim pode deixar o todo poderoso soltando trovões.
– Ele me permite dizer o que quiser para você Neculai. Você é algo que já deveria ter sido destruído e aniquilado.

– Mas que satisfação ouvir do próprio céu as suas intenções para com este adorável vampiro. Achei o seu batom forte demais para a sua pele Ariella. Use uma cor mais clara da próxima vez.
– Que atrevido! Eu deveria destrui...
– Espere Ariella. Este vampiro ainda não me ouviu.
– Lucrétia. Imagino que o inferno tem assistido meus movimentos. Me diga. Teria como mandar algumas todos que vocês tiram minhas para os meus fãs? Eles iriam...
– Cale-se! Acha que não temos o que fazer Neculai? Ariella tem razão. Seu tempo é curto, minúsculo e insignificante. Logo você estará onde deveria. No mundo do esquecimento. O inferno não admite que você mate os que fizeram pactos. Você está quebrando regras criadas por gerações.
– Eu só estou tirando eles da fila e enviando para a morte sem passar pela burocracia enjoativa que vocês criam.
– As regras devem ser seguidas. Não vai ser um vampiro que vive em celular que vai ensinar o inferno a agir.
– Lucrétia querida. essa roupa de freira que está usando deve ter deixado um pouco de bondade no seu coração. Eu apenas quero que relaxem e escutem meu plano. Só isso. Escutem e decidam qual das duas me destrói primeiro.
– Seja rápido Neculai. Tenho um show do Elvis para assistir.
– Adoro seu humor Ariella e gostei muito do seu estilo Pin-up, prometo que serei breve. Vocês duas tem percebido que este pais está um pouco desorientado. Algumas pessoas estão indo para caminhos que está prejudicando tanto o céu como o inferno. As relações dos sere humanos está distanciando as religiões e as crenças. Cada um está ficando casa vez mais isolado e independente. Isso para vocês é um perigo. Logo todos estarão tão independentes que não vão querer mais a interferência de vocês neste mundo. Ele já não recorrem mais a vocês como faziam antes.
– Isso é algo que estamos investindo sempre, música, encontros...
– Ariella querida. Isso já não atrai mais. As músicas você compra pelo celular, os encontros são feitos, na sua maioria pelas redes sociais. É assim que eles vivem aqui. Vai demorar muito para vocês refazerem suas leias antiquadas. O inferno também está perdendo muito.
–  Ainda existem muitos que fazem pactos e tem medo do inferno.
– Hoje não Lucrétia. Hoje o pessoal tem medo dos terroristas, das balas perdidas da violência. Por isso estão se isolando mais.
– Digamos que existem alguns problemas Neculai. Não vejo como pode nos ser útil.
– Ariella. Você e a Lucrétia precisam de um instrumento. Algo que traga a fé de volta. Alguém que mostre para eles que vocês existem. Alguém que eles possam acreditar.
– Está dizendo que eles devem acreditar em você Neculai? Isso é ridículo. Venha Ariella vamos matá-lo agora. Metade eu e metade meu...
– Esperem! Eu ainda não terminei. Lucrétia. Eu posso dizer para todos que sou um vampiro que tem medo de objetos sagrados. Aguá benta, cruzes, espinhos. algo que hoje estava ultrapassado. Posso reaver isso. Olhe Ariella. Posso colocar estes instrumentos no menu de "Como destruir o Neculai" isso fará com que a maioria comece a se interessar mais por seu lugar. O medo fará isso. O medo dos Comodistas. São eles o meu alvo.
– E como o inferno entra nisso?
– Ah Sim. Lucrétia. Para que o plano dê certo. Preciso de uns demônios. Para sumir com algumas pessoas que vou colocar no metrô em um vagão especial dos Comodistas. Deixem pistas que foram os demônios. Ariella pode enviar alguns padres para averiguar o vagão. Eles dirão que se trata de Demônios.
– Isso atrairia nossa atenção e poderia colocar na cabeça da população que nós realmente existimos. Não é um plano ruim Neculai.
– Claro que não. Karina chefiará seus demônios para o ataque.
– Com a crença de que foram os demônios muitos vão querer procurar nossa proteção.
– Isso mesmo Ariella. Eles irão até vocês. Sem musiquinha, apenas por medo e por vontade própria.
– É um plano convincente Neculai. Isso pode te dar mais algum tempo de vida.
– Muito agradecido e que bom que fizemos este acordo.
– Acordo que pode ser quebrado a qualquer momento entendeu Neculai.
– Certamente Lucrétia. Eu quero apenas que os humanos comam na minha mão enquanto domino territórios.
– Sabemos do seu plano Neculai. Sabe que nos o impediremos.
– Conto com isso Ariella.
– Nossa Reunião acabou Neculai.
– Eu agradeço a vocês pela. ah... paciência.
– Lucrétia já foi... Você não vai Ariella?
– Eu quero um pouco mais de tempo.
– Me abraçando assim você parece querer um pouco mais do que "tempo".
– Um dia tudo isso vai acabar. Talvez os celulares sejam apenas uma moda que acabará logo. Já pensou para onde irá Neculai?
– Talvez existam mais comunicações que posso interagir. Quem sabe?
– Você beija bem.
– Eu sou um vampiro. Minha vida foi dedicada a seduzir e a conquistar.
– Você deveria usar mais o lado "seduzir".
– Isso é algo que usamos muito neste mundo.
– Preciso visitar este mundo mais vezes e você também.
– Já que você é um anjo não posso dizer que vou te levar para o céu, mas posso deixar você flutuar sem usar suas asas. Posso deixar você sorrindo sem perceber, posso satisfazer todos os desejos que jamais seriam realizados no céu.
– Como pode ser tão lindo e tão monstruoso.
– Se sou um monstro que atraí anjos como você. Isso me faz ser um monstro de muita sorte.
– Suas mãos são tão fortes.
– Eu gosto de agarrar bem uma oportunidade.
– Seus olhos, brilhantes e vermelhos. nem os homens e nem os vampiros tem todo este encanto.
– Sou único e posso ser seu.
– Não fale mais. Sua voz está me deixando fora de controle.
– Perca seu controle. Sempre quis conhecer um anjo descontrolado que me levasse ao caminho do prazer absoluto.
– Eu o levarei para onde nenhum anjo levaria.
– Estou sentindo isso. Quero caminhar devagar. Nada de atalhos.
– Será uma longa viagem. Eu prometo. Nada de GPS. Será só nós dois.
– Mostre-me. Estou sentindo a energia desta aventura pulsando forte.
– Sente a energia Neculai? Ela toda querendo ser sua.
– Completamente. Estou sentindo passo a passo.
– Sim! Lentamente. Essa energia que sente vai lhe dar mais tempo para ficar na terra sem voltar para o seu aparelho.
– Um presente de um anjo... é sempre... bem-vindo.
– Energia... Ela nos faz... vivos... Como é bom... viver.

...

– Contagem regressiva para o Programa do Neculai.... 5... 4... 3... 2... 1...

– Começa agora o programa do Neculai. Eu sou Solange Pen.
– E eu sou Marco Tong.
– Hoje uma notícia que chocou toda a cidade, o país e o mundo.
– Sim Solange. O vagão que sumiu com os Comodistas junto.
– Muito triste mesmo Marco. O Neculai está desolado com o acontecimento. Ele está tomando providências e ajudando a polícia junto com os Vigilantes para encontrarmos rapidamente os culpados.
– O caso está em toda a mídia. Pelo que os Padres estão dizendo, isso foi obra dos demônios.
– Gente! Eu nem sabia que os demônios existiam.
– E existem sim viu Solange. Pelo visto eles estão também atras dos Comodistas.
– Os padres estão fazendo uma reunião hoje para que todos possam se proteger de alguma maneira.
– Eles vão fazer um encontro com a população e logo vamos passar a data e o local. O Neculai também vai ajudar.
–  Este vampiro não é demais gente! O Neculai se importa com a população. Ele está ajudando como pode. Isso sim é um salvador. Não é Marco?
– Falando em Salvador Solange. Você ai de casa. Já adquiriu seu carnê de Proteção? Olha o que aconteceu com os Comodistas que não puderam pagar. Não deixe que a sua família passe por isso. A segurança da família é a coisa mais importante do mundo.
– Isso Mesmo Marco. adquiram o carne do Amigo Salvador Neculai e garanta uma boa noite de sono para você e sua família.
– Vamos agora para um rápido intervalo e já voltamos.
– Neculai! Neculai!



Por: Adriano Siqueira




Postar um comentário

Banner deste blog

Banner deste blog
Contos de Vampiros e Terror

  ©CONTOS DE VAMPIROS - Todos os direitos reservados.

Template by Dicas Blogger | Topo